Técnico Lacerda e lateral Ivan do Caxias distribuem marmitas para moradores de rua - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Ação solidária17/05/2020 | 17h44Atualizada em 17/05/2020 | 17h44

Técnico Lacerda e lateral Ivan do Caxias distribuem marmitas para moradores de rua

Os profissionais representaram o grupo juntamente com o fisioterapeuta Marcelo Boff

Técnico Lacerda e lateral Ivan do Caxias distribuem marmitas para moradores de rua Milena Soares/Dinâmica Conteúdo
Foto: Milena Soares / Dinâmica Conteúdo

Em meio à pandemia do novo coronavírus, ações de solidariedade e empatia têm se multiplicado e tornado a vida de pessoas em vulnerabilidade social um pouco melhor. O futebol tem esse poder de transformação e pode ser um exemplo para todos. Com as atividades esportivas paralisadas, o momento é de distanciamento social, mas também de ajudar ao próximo. Com esse pensamento, um atleta e dois integrantes da comissão técnica do Caxias se mobilizaram para um gesto de amparo e caridade. 

Leia Mais
UCS e equipes esportivas arrecadam mais de duas toneladas em ação solidária

Neste sábado (16), o técnico Rafael Lacerda, o lateral-direito Ivan e o fisioterapeuta Marcelo Boff representaram o clube e realizaram a distribuição de marmitas para moradores de rua da cidade em parceria com o Restaurante Premium, a loja de vestuário Star de La Mode e a Sul Máscaras.

– O sentimento é de fazer o bem. Acho que praticar o bem só nos trás coisas boas. A ação representa a união e precisamos de todos, pois somente  assim o mundo vai conseguir passar por isso. Pequenos gestos neste momento podem mudar muitas vidas – disse Ivan.

A ação foi iniciativa dos atletas e comissão técnica com o objetivo de fortalecer ainda mais a ligação com a comunidade. Praticar a solidariedade pode proporcionar o bem-estar de muitas pessoas. Com o dinheiro arrecadado pelo elenco grená foram entregues 130 marmitas e, no próximo sábado, mais 130 serão distribuídas. Assim, em uma semana, o gesto ajudará 260 pessoas. 

– É indescritível ser um colaborar e torcedor grená, representando nosso Caxias numa causa nobre. Parabéns aos dirigentes, departamento médico, atletas e comissão técnica pela iniciativa – afirmou o fisioterapeuta Marcelo Boff.

Essa não foi a primeira ação solidária do grupo grená. No final do ano passado, eles fizeram uma visita até o Hospital Geral, da Universidade de Caxias do Sul (UCS), e doaram brinquedos às crianças. Os jogadores do Caxias, juntamente com a comissão técnica, têm o costume de arrecadar quantias em dinheiro para ajudar mais pessoas. Neste final de semana, foi com a confecção de marmitas, com galeto e massa, prato típico da Serra Gaúcha. Um gesto simples que mostra a união do elenco e a força de vontade para praticar o bem. 

– Neste momento, de crise, é o mínimo que nós podemos fazer. A gente tem essa condição de estar empregado e podemos ajudar ao próximo, principalmente as mais carentes. Entregamos para pessoas que moram na rua e são mais necessitadas. Quando levantamos essa ideia, os jogadores abraçam na hora e se comprometem. Todos ajudam. Ficamos felizes pela reação e aceitação das pessoas – revelou o técnico Rafael Lacerda. 

Recentemente, o clube também entregou mais de uma tonelada de alimentos, materiais de higiene e cestas básicas destinadas à comunidade do Beltrão de Queiroz, e aos bairros Jardelino Ramos e Reolon. 

Leia Também
Vereador comemora cassação do prefeito de Farroupilha com "dança do caixão"

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros