Negociação de Alex Telles pode render dinheiro para Juventude pagar dívida com ex-presidente - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Quitação19/04/2020 | 18h00Atualizada em 19/04/2020 | 18h00

Negociação de Alex Telles pode render dinheiro para Juventude pagar dívida com ex-presidente

Antigo dirigente alviverde fez aportes financeiros no clube nos últimos anos

Negociação de Alex Telles pode render dinheiro para Juventude pagar dívida com ex-presidente Porto/Divulgação
Alex Telles deve trocar o Porto pelo PSG Foto: Porto / Divulgação

Um dos nomes fortes no mercado de negociações da Europa enquanto a bola não volta a rolar, definitivamente, é o do lateral-esquerdo Alex Telles. O caxiense, formado pelo Juventude, voltou a ser notícia com uma possível transferência neste final de semana. Depois de um longo namoro com os ingleses do Chelsea, o destino mais provável para o atleta, que defende atualmente o Porto-POR, deve ser o francês Paris Saint-German (PSG).

Leia mais
Alex Telles relata a mudança da rotina em Portugal por conta da Covid-19

Segundo reportagem da jornalista Renata de Medeiros, de Gaúcha/ZH, o valor da negociação gira em torno de 20 e 25 milhões de euros – algo entre R$113 milhões e R$ 145 milhões. Por conta do mecanismo de solidariedade da Fifa, o Juventude pode receber até R$ 3,5 milhões pelos cerca de 3% a que tem direito pelo tempo em que Telles esteve no Estádio Alfredo Jaconi durante sua formação. Grêmio e Galatasaray dividem os outros 2%.

Quando deixou a equipe alviverde para jogar no Tricolor, o lateral-esquerdo rendeu aos cofres juventudistas algo em torno de R$ 1 milhão. Sete anos depois de sua saída do Jaconi, o negócio envolvendo Alex pode colocar mais de três vezes o valor recebido inicialmente pelo Papo.

No entanto, esse dinheiro não será utilizado para que o Juventude invista no futebol para a sequência da temporada. Em entrevista para a Rádio Caxias, o atual presidente do clube, Walter Dal Zotto Jr., citou que o valor referente a uma possível transferência de Alex Telles servirá para pagar um ex-presidente, sem citar o nome de qual antigo dirigente se tratava. Após essa entrevista, no entanto, o dirigente preferiu não falar mais sobre o assunto para não expor mais a situação.

Porém, uma negociação entre a atual diretoria e Roberto Tonietto, que comandou o clube até o final de 2018, faz com que o Ju entregue esse dinheiro como forma de restituição ao empresário. Durante o período em que esteve na direção, Tonietto fez diversos aportes financeiros para manter sanada a saúde financeira da instituição, impedindo diversas vezes que atrasos salariais e de premiações ocorressem. Para recuperar seu investimento, o ex-presidente aceitou que uma provável negociação do lateral fosse usado como parte da sua compensação. Nos valores que são falados da transferência, porém, toda a dívida do clube com o antigo mandatário estará quitada.

Leia também
Consultor de Caxias que tem acertado as projeções da pandemia torce para estar equivocado

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros