Com lesão muscular, Renato Cajá deve desfalcar Juventude na segunda fase da Copa do Brasil - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Problemas17/02/2020 | 19h19Atualizada em 17/02/2020 | 19h19

Com lesão muscular, Renato Cajá deve desfalcar Juventude na segunda fase da Copa do Brasil

Ju encara o XV de Piracicaba e não poderá contar com seu principal meia

Com lesão muscular, Renato Cajá deve desfalcar Juventude na segunda fase da Copa do Brasil Antonio Valiente/Agencia RBS
Renato Cajá fez apenas dois jogos na temporada 2020 Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

A lesão muscular sofrida por Renato Cajá no treinamento do último sábado (15) deve deixá-lo de fora do próximo compromisso do Juventude pela Copa do Brasil, no dia 26 de fevereiro, contra o XV de Piracicaba, no interior paulista.

Cajá teve uma lesão muscular de grau dois no músculo posterior da coxa direita e o tempo de recuperação é de duas a três semanas. A evolução do meia será analisada pelos médicos do alviverde na semana que vem, porém, por se tratar de um atleta com 35 anos, o assunto é tratado com cautela.  

— A tendência é que ele esteja fora do jogo pela Copa do Brasil, pois o tempo afastado deve ser de três semanas. A não ser que tenha uma recuperação surpreendente. Não podemos correr o risco de agravar a lesão e perdê-lo por mais tempo depois, mas vamos observá-lo novamente na semana que vem — disse Michel Vigo, médico do clube.

Leia mais
Juventude goleia a equipe sub-20 do Brasil-Fa em jogo-treino

É segunda lesão muscular de Renato Cajá na temporada 2020. Um problema no músculo adutor da coxa o impediu de participar dos primeiros quatro jogos pelo Gauchão. O meia retornou aos gramados contra o Coruripe-AL, pela primeira fase da Copa do Brasil, e também enfrentou o Ypiranga, pelo Estadual. 

Substituto de Cajá durante as primeiras partidas, Pedro Ken também está machucado. O meio-campista deixou a partida contra o Ypiranga com uma luxação no cotovelo e realiza trabalhos físicos leves, pois está com o local imobilizado. Sua presença diante do XV de Piracicaba ainda é dúvida.

Também no DM

Além de Renato Cajá e Pedro Ken, outros quatro atletas do Juventude estão no departamento médico. Contudo, a presença deles da segunda fase da Copa do Brasil não está ameaçada. O zagueiro Edcarlos teve uma lesão de grau um no músculo posterior da coxa e será liberado para os treinos na próxima quinta-feira (20). 

Samuel Santos sofreu uma pancada no tornozelo e também tem retorno previsto para os próximos dias, assim como o zagueiro Reynaldo, que sentiu uma contratura na panturrilha no jogo-treino diante do Brasil-Fa Sub-20. Enquanto isso, o volante Rodrigo Ancheta reclamou de dores na coxa direita e passará por exames nesta terça-feira (18).

Leia também
Caxiense é eleito o melhor jogador do Sul-Americano de Clubes de vôlei masculino

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros