Jogadores do Juventude valorizam dedicação do time e questionam decisões de Daronco - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Gauchão 202024/01/2020 | 00h08Atualizada em 24/01/2020 | 00h08

Jogadores do Juventude valorizam dedicação do time e questionam decisões de Daronco

Equipe alviverde atuou com um jogador a menos por mais de 75 minutos contra o Inter 

Jogadores do Juventude valorizam dedicação do time e questionam decisões de Daronco Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

A derrota na estreia do Gauchão por 1 a 0, contra o Inter, deixou sentimentos distintos para os jogadores do Juventude. Por um lado, todos fizeram questão de valorizar a entrega tática e o desempenho do time, que atuou boa parte da partida com um atleta a menos após a expulsão de Genilson. Além disso, existia a frustração e a reclamação em relação a arbitragem de Anderson Daronco.

Leia Mais
Com expulsão de zagueiro logo no início do jogo, Juventude perde para o Inter por 1 a 0

— Na minha opinião, não foi pênalti. A bola bateu na mão. Não tem como tirar o braço na jogada. E não precisava ter expulsado. Ali complicou o jogo. Nós estávamos melhor na partida. Com um a mais, o Inter não teve vantagem. Tivemos a melhor chance da partida com o Bruno (Alves). Para um início de temporada foi muito promissor. Temos que melhorar, mas valeu pela dedicação e garra de todo mundo — avaliou Pedro Ken, um dos estreantes da noite.

O volante João Paulo fez coro ao companheiro e valorizou a postura do time alviverde.

— Tem que dar os parabéns à equipe pela entrega da equipe. Todos viram o que aconteceu (expulsão logo no início), é do jogo, mas vamos trabalhar para dar a volta por cima na competição — resumiu o jogador.

O goleiro Marcelo Carné, que fez duas grandes defesas nos minutos finais, lamentou a derrota e desabafou em relação a atuação da arbitragem:

— O resultado foi ruim. Sabemos da qualidade do nosso time e o que foi incorporado para esse ano. É só ver o Samuel (Santos), o Pedro (Ken). Foi uma arbitragem bem complicada, ele se perdeu. Quer se impor na força e no falar, mas ele tem que apitar o jogo. Mas é assim, contra time grande, pesa para um lado. Mas, a gente sai fortalecido desse jogo. É um resultado ruim, mas a gente vai buscar fora agora contra o São Luiz para brigar pela classificação.

O próximo compromisso do Ju será no domingo, às 19h, contra o São Luiz, em Ijuí. Genilson, expulso na estreia, será desfalque.

Leia Também
Fora de casa, Esportivo empata com o São José na estreia do Estadual

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros