Intervalo: Marquinhos Santos fez um desafio ao torcedor do Juventude - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião11/12/2019 | 06h00Atualizada em 11/12/2019 | 06h00

Intervalo: Marquinhos Santos fez um desafio ao torcedor do Juventude

Treinador disse que, caso o clube alcance 10 mil sócios, trará dois reforços de peso

Intervalo: Marquinhos Santos fez um desafio ao torcedor do Juventude Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Juventude não fará grandes contratações neste primeiro momento. É isso o que deixou claro o técnico Marquinhos Santos na sua primeira entrevista coletiva após o retorno da Chapecoense. A ideia é de que o grupo esteja fechado com a chegada de quatro ou cinco peças, que virão de forma pontual para substituir algumas das perdas em relação ao grupo deste ano.

Leia Mais
"Cumpri minha palavra", diz treinador em primeira entrevista após o retorno ao Juventude

Marquinhos citou, por exemplo, as saídas dos titulares Sidimar e Aprile. Com isso, um zagueiro e um volante passam a ser prioridades. Outra peça fundamental é um centroavante, já que Carlos Henrique segue em processo de recuperação. No Estadual, Dalberto, Bruno Alves e Wallace, que chega como aposta, depois de um bom desempenho no Lajeadense, são as alternativas para a função.

No mais, o Estadual servirá como uma base de experiências para jovens da base ou que vieram do time de Lajeado. Para a Série B, o investimento será superior.

O mais curioso da entrevista foi a provocação de Marquinhos ao torcedor. Segundo ele, caso o Juventude alcance os 10 mil sócios, vai ao mercado contratar dois jogadores de referência para a temporada:

—  Faço um apelo ao torcedor. Se conseguirmos atingir a marca de 10 mil sócios, vamos conseguir ir ao mercado e buscar jogadores do quilate do Renato Cajá e do João Paulo. Um ou dois jogadores do nível acima da média. É um desafio que faço. 

Leia Também
Caxias acerta contratação de atacante do XV de Piracicaba



 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros