Há 10 anos disputando a Copa União, Evair e Felipe decidirão o título dos titulares neste domingo - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Tradição em campo22/11/2019 | 17h00Atualizada em 22/11/2019 | 17h00

Há 10 anos disputando a Copa União, Evair e Felipe decidirão o título dos titulares neste domingo

Após empate na ida, Bevilacqua e Pedancino duelam pela taça

Há 10 anos disputando a Copa União, Evair e Felipe decidirão o título dos titulares neste domingo Copa União/Divulgação
Felipe Brandalise (E) foi campeão pelo São Francisco, em 2018, na categoria suplentes; já Evair Cecatto (D) conquistou o título pelo titulares do Bevilacqua, no ano passado Foto: Copa União / Divulgação

Assim como muitos meninos, Evair Cecatto e Felipe Brandalise também almejavam ser jogadores profissionais de futebol. Na decisão da categoria titulares da 31ª Copa União de Clubes, os dois estarão frente à frente. O jogo, que inicia às 15h de domingo (24), vale o título para quem triunfar. Na primeira partida da final, Bevilacqua e Pedancino ficaram no 1 a 1

Leia mais:
Copa União decide campeões do veteranos e titulares neste final de semana
Duelo entre irmãos marca a decisão dos veteranos na Copa União de Clubes   

Ceccato e Brandalise, ambos com 25 anos,  disputam há Copa União há 10 temporadas. O representante do Bevilacqua foi incentivado por um ex-jogador conhecido em Caxias do Sul.

— Teve um jogador, o Jajá, que abriu uma escolinha e montou um time para jogar o Campeonato Infantil da Copa União. Eu participei e, ali, já conquistei o meu primeiro título. A partir de então, jogo todos os anos — conta Ceccato. 

Pelo lado do Pedancino, uma figura também foi crucial para que Brandalise ingressasse na competição: o pai, Carlos Brandalise. Desde pequeno, ele tem a figura paterna como exemplo. 

— Eu sempre acompanhava meu pai. Lembro das vezes que ele foi campeão. São fatos que me marcaram muito. Hoje,  90% das pessoas que jogam ali não são da comunidade. Então, a nossa  responsabilidade é grande, porque estamos servindo eles. As pessoas te olham diferente, porque você foi criado ali, é bem motivador — destaca Brandalise.

O incentivo familiar também foi crucial para que o elo com a Copa União fosse fortalecido. Cecatto reside na comunidade do Bevilacqua, próximo ao campo e tem uma identificação afetiva com o local. Capitão do time há um ano, ele demonstra entusiasmo ao falar da decisão: 

— A expectativa está a milhão, ainda mais porque teve um intervalo grande entre as duas partidas e o jogo decisivo vai ser na nossa casa, com o apoio da nossa torcida, que incomoda bastante o adversário e, com certeza, vai fazer uma festa grande. 

Brandalise também está confiante. Contando com o apoio de familiares e amigos, além da própria comunidade, o Pedancino também espera levantar a taça:

— A expectativa é de fazer um bom jogo e ganhar. Não foi um bom resultado (no primeiro jogo), mas passamos em casa, 1 a 1. Então, agora vamos com a expectativa de vencer fora. 

De geração para geração

Assim como Brandalise, a paixão de Cecatto pela Copa União foi herdada pelo pai, que já disputou a categoria máster. Além disso, ele pretende transmitir esse amor à filha Yasmin, três anos, que mesmo com a pouca idade já está aprendendo a importância da competição:

— Meu pai também me ensinou isso, me incentivou a praticar esporte e eu também estou passando isso à minha filha. Apesar de não ter modalidade feminina, eu sonho que um dia ela possa ter lugares como os homens, para desfrutar do esporte. 

Do lado do Pedancino,  o desejo também é transmitir esta paixão às próximas gerações:

— Estou jogando e tem meus tios, padrinhos, pessoas da comunidade me olhando, torcendo por nós. Como fui criado ali, é uma coisa que quero passar para as próximas gerações, sem dúvida.

Leia também:
Caxiense campeã de velocross luta contra o machismo para se destacar na modalidade Ca-Ju Stats: Saiba quem teve a melhor média de público em 2019 Envolvimento da comunidade é fundamental para o sucesso do Projeto Conquista Projeto Conquista apresenta o jiu-jitsu como uma ferramenta para trabalhar a disciplina e o respeito 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros