"Vamos seguir firme em busca desse título", diz o craque do acesso do Juventude  - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Série C09/09/2019 | 22h19Atualizada em 09/09/2019 | 22h19

"Vamos seguir firme em busca desse título", diz o craque do acesso do Juventude 

Renato Cajá e os companheiros fizeram questão de agradecer ao clube

"Vamos seguir firme em busca desse título", diz o craque do acesso do Juventude  Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O Juventude deu a volta por cima. Um ano após a queda à Série C, o clube alviverde já retorna à Segunda Divisão e em grande estilo. Com uma goleada sobre o Imperatriz, por 4 a 0, o time do técnico Marquinhos Santos comemorou o seu retorno aos 40 principais clubes do país.

— A bola que tivemos, nós matamos. Soubemos fazer esse grande jogo em casa. Vamos seguir firme em busca desse título — resumiu o craque da noite, Renato Cajá, que completou agradecendo ao clube:

— Eu estava em casa (desempregado) sem ninguém. Quando o Ju veio e fez a proposta,  me deixou muito feliz. Eu conseguir agarrar e aproveitar essa oportunidade. Tem que agradecer a todos e vamos seguir firme para buscar esse título.

Leia mais
Com "Corredor Jaconero", torcida recepciona a delegação do Ju na chegada para decisão

Autor do terceiro gol, o centroavante Carlos Henrique também ressaltou que o Ju conseguiu melhorar na segunda partida e resolver o acesso ao clube alviverde.

— A gente fica muito feliz. Objetivo alcançado, tira um peso das costas porque a gente sabe o quanto era difícil. Tivemos um jogo complicado lá em Imperatriz e hoje resolvemos em 20 minutos. Agora é só comemorar o acesso — ressaltou o camisa 9.

Outro destaque do Ju na campanha do acesso, o goleiro Marcelo Carné ressaltou que o objetivo a partir de terça (10) é pensar no Náutico. O foco, após o retorno à Série B, é o título da Série C.

— É engraçado que a gente diz que o importante é o acesso e depois está de boa. Mas amanhã (terça, 10) é pensar no Náutico. Vou comemorar hoje (segunda) mas eu quero ganhar. Jogador de alto nível é isso, mas eu quero ganhar do Náutico — ressaltou o camisa 1.

Leia também
Três projetos indicados pelo Corede-Serra receberão recursos 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros