Caxias tem dois jogos para garantir o G-2 do grupo C - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Copa Seu Verardi25/09/2019 | 20h12Atualizada em 25/09/2019 | 20h12

Caxias tem dois jogos para garantir o G-2 do grupo C

Equipe grená encara o Grêmio, segunda-feira, em partida que poderá garantir as primeiras posições

Caxias tem dois jogos para garantir o G-2 do grupo C Vitor Soccol/Ser Caxias / Divulgação
Foto: Vitor Soccol / Ser Caxias / Divulgação

A Copa Seu Verardi vai entrar na reta final da etapa classificatória e o Caxias tem dois jogos para garantir as primeiras duas colocações. Isso deixaria o clube no Pote 1 do sorteio das oitavas de final e, consequentemente, na condição de decidir dentro do Estádio Centenário o primeiro mata-mata da competição. 

Pela frente, os dois adversários mais complicados da chave: Grêmio e São José-PoA. Justamente, os rivais por estas duas primeiras colocações.

Leia mais
Volante do Caxias, Tássio diz que está adaptado ao estilo de jogo do futebol gaúcho
Ademir Bertoglio irá comandar o futebol do Caxias na temporada de 2020

Na próxima segunda-feira, o adversário será o time de transição do Tricolor, no CT Hélio Dourado, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Desde que colocou força máxima na equipe, o time comandado por Thiago Gomes emplacou duas vitórias consecutivas – poderá chegar à terceira hoje à noite, quando enfrenta o Avenida no Estádio dos Eucaliptos. Isso poderia causar alguma preocupação, mas é uma situação bem vista pelos grenás.

— Eles vindo nos atacar abrirá espaços lá na frente. Nossa qualidade no ataque é grande, só precisa um pouco mais de calma no último passe. Se fizemos as jogadas com afobação, acabamos errando nas oportunidades para matar o jogo — considera o atacante Márcio Jonatan.

O Caxias vem encarando um pouco de dificuldade contra adversários fechados e quando os enfrenta fora de casa. Até por isso, encarar o Tricolor e num campo de boas condições anima o camisa 11 da equipe do técnico Lacerda. A derrota para o Lajeadense, na última rodada, é tido como exemplo de como o campo prejudicou o time e até causou um nervosismo nos mais jovens, por não conseguir executar aquilo proposto nas semanas de treinamentos.

— São jogos diferentes, complicados e com gramados ruins. Mas isso não é desculpa. Têm vezes que bola não entra. Eles (Lajeadense) fizeram um gol e ficaram com a bunda lá atrás — diz Márcio Jonatan.

Para encarar o Tricolor, o Caxias só não poderá usar o volante/lateral Guilherme Amorim e o zagueiro Truyts, porque ambos pertencem ao Grêmio. De resto, Lacerda conta com todos os atletas à disposição para montar o seu 11 ideal.

Leia também
Mais de cem motoristas são flagrados usando o celular no trânsito de Caxias
A um mês do início, Natal Luz de Gramado arrecadou R$ 11 milhões

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros