Aquecimento indica Juventude com duas mudanças para encarar o Imperatriz - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Série C06/09/2019 | 17h42Atualizada em 06/09/2019 | 18h39

Aquecimento indica Juventude com duas mudanças para encarar o Imperatriz

Recuperado de uma fratura na segunda vértebra lombar, o capitão Eltinho deve retornar ao time

Aquecimento indica Juventude com duas mudanças para encarar o Imperatriz Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Retornar à Série B é uma obsessão do Juventude desde o início da temporada. Agora, a uma vitória do objetivo ser atingido, qualquer detalhe é importante e pode fazer a diferença quando a bola rolar a partir das 20h de segunda-feira (9) no estádio Alfredo Jaconi. 

Entre as estratégias para superar o Imperatriz-MA está a realização dos treinamentos com privacidade, sem a presença de imprensa e torcedores. O plano utilizado por Marquinhos Santos em vésperas de decisões também fora utilizado na semana passada, antes do jogo no Maranhão, e se repete nesta semana.  Entretanto, no aquecimento, quando a imprensa pôde acompanhar a atividade, uma situação chamou a atenção.

Leia mais
Intervalo: Torcida do Juventude deve bater mais um recorde na decisão pelo acesso
Eficiência do sistema defensivo do Juventude em casa será colocada à prova no jogo do acesso

Quando o grupo de atletas deixou os vestiários e subiu para o gramado, notou-se a ausência de alguns deles. Minutos depois, estavam em campo Marcelo Carné, Vidal, Genilson, Sidimar, Eltinho, João Paulo, Aprile, Renato Cajá, John Lennon, Dalberto e Carlos Henrique, indicando uma possível formação titular para encarar o Cavalo de Aço. Sendo assim, Moisés e Felippe deixariam o onze inicial.

Se para o jogo no estádio Frei Epifânio a escalação trabalhada em sigilo apresentou a entrada de Moisés no meio-campo, a passagem de John Lennon para a lateral-direita e a mudança para o esquema tático 4-4-2, a tendência é que para jogo em Caxias do Sul o comandante alviverde seja mais conservador e retome o esquema 4-1-4-1, consolidado ao longo da Série C. 

— O professor falou nas preleções que íamos jogar compactados para não sair com a derrota lá no Maranhão, e conseguimos executar. Em casa, precisamos adotar uma postura diferente, como aconteceu na Copa do Brasil e em jogos da Série C — disse Dalberto, atacante alviverde. 

O Verdão ainda realiza treinamentos no sábado (7) e domingo (8) antes da partida contra o Imperatriz-MA. 

Leia também
Técnico do Caxias será julgado nesta sexta-feira e pode ser suspenso por até nove jogos


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros