Intervalo: Confronto em Imperatriz será especial para o lateral-esquerdo Felippe - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião30/08/2019 | 21h00Atualizada em 30/08/2019 | 21h00

Intervalo: Confronto em Imperatriz será especial para o lateral-esquerdo Felippe

Jogador de 19 anos vive sua primeira experiência em decisões

Intervalo: Confronto em Imperatriz será especial para o lateral-esquerdo Felippe Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Para muitos dos jogadores do Juventude que entrarem em campo no Estádio Frei Epifânio, na segunda-feira, será apenas mais uma decisão. E aí não existe demérito algum. Os jogos contra o Imperatriz serão importantes para a carreira, mas, até pela experiência de vários deles, participar de um confronto desse tamanho é algo até natural.

Leia Mais
Lateral do Juventude tenta o seu segundo acesso à Série B
Técnico do Imperatriz ressalta luta do seu time para tentar superar o Juventude

Só que, para um jogador em especial, a partida no Maranhão tem um sabor diferente. É a primeira “final” da carreira de Felippe. O jovem de 19 anos ascendeu ao profissional nesta temporada e, com a lesão de Eltinho, terá a responsabilidade de vestir a camisa 6 em um momento tão importante.

Primeiro, é preciso destacar a qualidade dele. É um guri com muito potencial e algumas características que o assemelham a Alex Telles, hoje no Porto. Ainda precisa amadurecer e evoluir em questões táticas e defensivas. Mesmo assim, nada melhor do que um  desafio como esse para dar casca ao jogador.

Felippe fará no Maranhão o jogo da sua vida. Se em 2016 era Vidal, então com 20 anos, o lateral que despontava no acesso, agora cabe ao jovem de Bento Gonçalves dar sequência ao bom trabalho feito até aqui.

Primeiras decisões

Nos primeiros duelos das quartas de final da Série C estou particularmente curioso para ver a resposta de Ypiranga e São José.

A equipe de Erechim, até por ter se classificado como líder, entra com um certo favoritismo diante do Confiança. E, pelas características do time de Fabiano Daitx, deve apostar em uma marcação forte e nos contra-ataques para voltar com bom resultado do Sergipe.

Já o Zequinha precisa fazer valer a vantagem do gramado sintético diante do Sampaio Corrêa. Se depender da volta, a situação complica bastante.

Leia Também
Brasil-Fa enfrenta o João Emílio pelo Gauchão Feminino

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros