Caxias vence o Lajeadense com tranquilidade na sua estreia - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Copa Seu Verardi18/08/2019 | 16h53Atualizada em 18/08/2019 | 20h05

Caxias vence o Lajeadense com tranquilidade na sua estreia

Equipe grená aplicou 4 a 2 sobre o time do Vale do Taquari

Caxias vence o Lajeadense com tranquilidade na sua estreia Lucas Amorelli/Agencia RBS
Michel e Márcio Jonatan deixaram dois gols na partida Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

O Caxias mostrou uma ampla superioridade técnica sobre o Lajeadense, na sua estreia pela Copa Seu Verardi, neste domingo (18). Mesmo com um jogador a menos desde os 25 minutos da etapa inicial, a equipe grená aplicou 4 a 2, no Estádio Centenário. O próximo compromisso da equipe do técnico Lacerda será o embate com o Grêmio, no sábado.

O Caxias foi amplamente superior no primeiro tempo, mesmo com um jogador a menos. Foram 11 finalizações na etapa inicial e duas convertidas. Mas não foi fácil, o time grená teve que buscar a virada e aproveitou a superioridade técnica para sair à frente do placar.

O Lajeadense começou dando a impressão que faria frente à equipe grená. Logo aos sete minutos, Roger recebeu entre os dois zagueiros, passou pelo goleiro e concluiu para fora. Foi um lance para que o Caxias acordasse e tomasse as rédeas da partida.

Leia mais
Judoca caxiense leva o bronze em campeonato brasileiro sub-13
Caxiense leva o bronze no Pan e Sul-Americano de judô veteranos

A primeira grande oportunidade veio aos 17. Denilson recebeu a bola pela direita e cruzou rasteiro, Márcio Jonatan, na segunda trave, concluiu por cima do goleiro. Nilo afastou em cima da linha e Michel furou em bola. Perdeu uma chance clara. Dois minutos depois, Márcio Jonatan recebeu na área e chutou em cima de Everty.

O time grená era melhor, mas aos 25 veio uma sequência de erros. Jean falhou na cobertura de bola, perto da linha de fundo e foi desarmado por Wallace. O atacante tocou para marca do pênalti e Roger finalizou em gol. Eduardo Grasson tirou com a mão. Pênalti e expulsão do camisa 2. Aos 28, após muitas reclamações, Wallace bateu e converteu: 1 a 0 Lajeadense.

Se a situação parecia ficar pior, o Caxias melhorou com 10 em campo e foi mais incisivo. Aos 34, Márcio Jonatan lançou a bola para frente e Michel foi mais esperto que Nilo, tomou a frente, passou pelo goleiro Everty e marcou o seu: 1 a 1.

Aos 44, após cobrança de falta da intermediária, Michel escorou para Laercio encher o pé, mas a bola estourou na cara de Everty, que salvou o que seria o gol da virada. Só que três minutos depois, o goleiro nada pôde fazer. Após cobrança de escanteio da esquerda, Laercio tocou para o meio da área e Tássio desviou para a rede: 2 a 1 Caxias.

Na volta do intervalo, o técnico Eduardo Costa recolocou  o Lajeadense com mais dois atacantes - o atacante Ariel entrou no lugar de Clayton; e Max na vaga do volante Roger -, para pressionar. Mas o time do Caxias seguiu tendo imposição técnica.

Aos 20, a primeira boa chance do segundo tempo. Eduardo Diniz cobrou escanteio e Tássio cabeceou no canto, mas a defesa afastou em cima da linha. A pressão da equipe do Vale do Taquari não surtia em nenhuma jogada perigosa.

O Caxias resolveu a partida aos 30. Márcio Jonatan recebeu a bola para área, na direita, e tocou para entrada da área. Tássio bateu rasteiro, no canto esquerdo, e o goleiro Everty aceitou: 3 a 1.

E a goleada veio aos 36. Eduardo Diniz cruzou da esquerda e o lateral Guilherme Dal Pian dominou no peito e ajeitou a bola para Márcio Jonatan. Na meia-lua, o atacante chutou cruzado e fez o quarto gol.

Nos acréscimos do segundo tempo, Wallace saiu na frente do goleiro André e conseguiu marcar o seu segundo gol. Números finais para um jogo tranquilo aos grenás, 4 a 2.

Ficha técnica
Caxias 4x2 Lajeandense
Estádio Centenário - Copa Seu Verardi

Caxias: André; Eduardo Grasson, Laércio, Jean, Eduardo Diniz; Marabá, Tássio (Juliano, 42/2º) e Guilherme Amorim; Denilson (Vinícius Baiano, 18/2º), Michel (Arthur, 35/2º) e Márcio Jonatan (Matheus Boff, 42/2º). Técnico: Rafael Lacerda

Lajeadense: Everty; Igor, Guilherme Olavo, Nilo (Odivan, 13/2º) e Dal Pian; Nailson, Roger (Max, int), Marquinhos (Arthur Taufer, 13/2º), Marcelo Benia (Cidinho, 35/2) e Clayton (Ariel Palácio, int.); Wallace. Técnico: Eduardo Costa.

Gols: Wallace (L), aos 28min, Michel (C), aos 34min, e Tássio, aos 47min, no primeiro tempo. Tássio (C), aos 30min, Márcio Jonanta, aos 36min, Wallace (L), aos 46min, no segundo. Árbitro: Marcelo Bitelbron, auxiliado por Gabriel Augusto Koren e Ronei Zwirst.

Expulsões: Eduardo Grasson, aos 25min, no primeiro tempo. Guilherme Olavo, aos 41min, no segundo tempo. Amarelos: Márcio Jonatan, Guilherme Amorim (C); Guilherme Olavo, Dal Pian, Marquinhos, Igor (L).

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros