Juventude será julgado nesta quarta-feira por caso de racismo - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Copa do Brasil15/05/2019 | 12h42Atualizada em 15/05/2019 | 14h31

Juventude será julgado nesta quarta-feira por caso de racismo

Clube alviverde corre risco de ser multado entre R$100 e R$100 mil

Juventude será julgado nesta quarta-feira por caso de racismo Porthus Junior/Agencia RBS
Clube alviverde corre risco de ser multado entre R$100 e R$100 mil Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Juventude saberá na tarde desta quarta-feira (15) se será multado — e com qual valor — pelo caso de racismo ocorrido na partida diante do Botafogo pela Copa do Brasil, no dia 11 de abril. A partir das 13h30min, o clube será julgado na Terceira Comissão Disciplinar do STJD, no Rio.

O Ju pode receber multa entre R$ 100 e R$ 100 mil por estar enquadrado no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. O torcedor pode ser suspenso por, no mínimo, 720 dias longe de estádios e praças esportivas. No julgamento, o clube será representado pelo advogado Osvaldo Sestário. O presidente do Ju, Walter Dal Zotto Jr e a assistente jurídica Letícia Giacomet também se farão presente no julgamento.

Lembre o caso
Gustavo Bochecha, volante do Botafogo, estava no banco de reservas e recebeu um insulto racista por parte de um torcedor, que foi prontamente identificado pelo clube e pelos órgãos de segurança e encaminhado para o Juizado Especial Criminal (Jecrim) do Alfredo Jaconi para registro da ocorrência. 

O clube, na época, enviou nota de repúdio e, posteriormente, o presidente lamentou o ocorrido, a previsão de multa e garantiu que medidas serão tomadas diante dos torcedores para evitar reincidência.

Leia também
Recuperação da ERS-122, em Farroupilha, começa nesta sexta-feira
Prefeitura de Farroupilha irá renegociar dívidas de contribuintes com o município

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros