Jogadores do Juventude valorizam trabalho após classificação na Copa do Brasil - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Vibração Jaconera08/05/2019 | 00h21Atualizada em 08/05/2019 | 00h21

Jogadores do Juventude valorizam trabalho após classificação na Copa do Brasil

Equipe alviverde passou pelo Vila Nova nos pênaltis e encara o Grêmio nas oitavas

Jogadores do Juventude valorizam trabalho após classificação na Copa do Brasil Sebastião Nogueira/O Popular
Foto: Sebastião Nogueira / O Popular
Pioneiro
Pioneiro

Após a classificação do Juventude às oitavas de final da Copa do Brasil, com a vitória nos pênaltis sobre o Vila Nova, os jogadores alviverdes mostraram todo seu contentamento com a passagem de fase. O mais celebrado foi o goleiro Marcelo Carné, que pegou a quarta cobrança dos rivais e garantiu a passagem de fase. 

A defesa, que garantiu mais R$2,5 milhões na conta do clube, foi fruto de um conjunto de observação da comissão técnica e do reflexo do goleiro.

— Temos um trabalho de análise de desempenho que é muito bom. Eu tinha informação do Danilo e do Alan Mineiro, mas dos outros dois não. Foi mais no meu instinto mesmo. Temos no nosso grupo cobradores de qualidade, então acabamos aprimorando isso também no dia a dia — disse Carné.

Segundo o camisa 1, a preparação dos goleiros e o foco dos atletas também é decisivo:

— O segredo é o trabalho. Nos jogos têm decisões que precisamos tomar nos treinos. Treinando sério estamos sempre próximos dos bons resultados. Espero que continue assim.

Autor do gol na última cobrança de pênalti, o atacante Bruno Alves valorizou o que tem sido feito pelo técnico alviverde:

— Cheguei a pouco tempo nesse grupo aqui. E a forma que a gente vem trabalhando, que o professor Marquinhos Santos vem impondo para nós, acho que merecíamos sair daqui classificados. Graças a Deus fui feliz na última cobrança. Treinei bastante.

O meia Denner, que esteve descontado por uma virose no decorrer da semana, lembrou também do papel importante que os Jaconeros têm feito em casa:

— Essa vitória não tem o que explicar. Estamos entre os 16. Agradecer à torcida, que está apoiando no Jaconi sempre e está jogando junto com a gente. Agora, tem que pensar sábado (11) no Paysandu, é outro objetivo nosso de subir para a Série B, que é o lugar do Juventude.

Leia também
Glória depende de um empate contra o Ypiranga para voltar à elite

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros