Com golaço de falta, Juventude vence o Paysandu e ganha primeira na Série C - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Somou fora de casa11/05/2019 | 21h15Atualizada em 11/05/2019 | 22h21

Com golaço de falta, Juventude vence o Paysandu e ganha primeira na Série C

Equipe alviverde fez 1 a 0 no Estádio da Curuzu e entrou no G-4 da competição

Com golaço de falta, Juventude vence o Paysandu e ganha primeira na Série C Jorge Luiz / Paysandu, Divulgação/Paysandu, Divulgação
Foto: Jorge Luiz / Paysandu, Divulgação / Paysandu, Divulgação

Se no domingo passado, quando o Juventude saiu de casa para dois jogos longe de Caxias do Sul, o torcedor alviverde pensasse em uma sequência tão boa, poderia ser chamado até de sonhador. Por o time do técnico Marquinhos Santos se classificou na Copa do Brasil, diante do Vila Nova em Goiânia, e, neste sábado (11), ganhou do Paysandu, em Belém-PA.

O 1 a 0 no Estádio da Curuzu, com golaço de Eltinho, coloca a equipe alviverde no G-4 da competição. O próximo compromisso do Ju será em casa, no próximo domingo (19), contra o Boa Esporte, no Alfredo Jaconi.

As primeiras ações ofensivas do jogo foram do Paysandu. Logo aos seis minutos, após cruzamento da direita, o atacante Nicolas tentou a finalização, mas o chute saiu por cima. 

A resposta do Juventude chegou aos nove. Dalberto aparou lançamento e escorou de cabeça para Braian Rodríguez. O centroavante uruguaio, de frente para o gol, acabou errando o alvo e mandando pela linha de fundo. No minuto seguinte, o time paraense arriscou com Vinicius Leitte, mas Omar – que substituiu o preservado Carné - fez a defesa. 

O domínio das ações era, em sua maior parte, dos mandantes. Aos 17, Wellington Reis arriscou de fora da área e um desvio no meio do caminho salvou a equipe alviverde.  

Ainda que pressionado, o Juventude buscava nas jogadas rápidas, principalmente com Dalberto, as suas oportunidades. Quando equilibrou a partida, a equipe alviverde.  Aos 30, o atacante passou a dribles pela marcação e chutou para fora, com perigo. Um minuto depois foi Denner quem arriscou de longe, mas também viu a bola ir perto da meta do Papão. 

E assim, com o equilíbrio estabelecido em campo, os dois times foram com o 0 a 0 para o vestiário. 

A segunda etapa já começou com o Paysandu quase abrindo o marcador. Antes do primeiro minuto, Jheimy, que acabara de entrar, aproveitou uma bobeada da defesa do Juventude e arriscou, para grande defesa de Omar. 

Depois disso, o jogo amornou. O Juventude tentava chegadas pela esquerda, com Felippe. Aos 12, o lateral encontrou Braian no meio da área, mas Mota segurou o cabeceio. Depois, aos 19, a defesa foi quem antecipou os atacantes alviverdes.

A partida baixou a rotação, é verdade. Porém, quando esquentou, Eltinho, aos 38, cobrou falta com perfeição, no ângulo esquerdo do goleiro Mota. Um golaço para dar vantagem ao Juventude fora de casa: 1 a 0 Papo.

Ainda deu tempo para Dalberto, aos 44, chutar com perigo uma bola que raspou no travessão do Paysandu. A festa em Belém foi do Juventude, invicto nesta Série C.

Campeonato Brasileiro - Série C - 11/5/2019
Estádio da Curuzu, em Belém-PA
Paysandu 0x1 Juventude
Gols: Eltinho, aos 38 minutos do segundo tempo
Paysandu: Mota, Tony, Victor Oliveira, Micael e Bruno Collaço (A), Jhony Douglas, Wellington Reis (A), Thiago Primão (Tiago Luís, 21'/2°); Vinícius Leite, Nicolas (Pimentinha, 34'/2°) e Paulo Henrique (Jheimy, intervalo). Técnico Léo Condé
Juventude: Omar, Vidal, Genílson, Sidimar e Felippe (Eltinho (A), 24'/2°); João Paulo (A); Bruno Alves (A), Moisés(A) (Aprile,15'/2°), Denner (A) (Rafael Bastos,45'/2°) e Dalberto; Braian Rodríguez. Técnico Marquinhos Santos 

Arbitragem: Christiano Gayo Nascimento auxiliado por Luciano Benevides de Sousa e Lucas Torquato Guerra (trio do Distrito Federal) 

Leia também
Não pode levar sua doação para a campanha do agasalho de Caxias? Ligue 
Preço da gasolina em Caxias é o mais alto dos últimos seis meses

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros