São Francisco leva primeiras duas taças da Copa União - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Futebol Amador18/11/2018 | 21h04Atualizada em 18/11/2018 | 21h04

São Francisco leva primeiras duas taças da Copa União

Equipe da 6ª Légua foi campeã nos masters e nos suplentes

São Francisco leva primeiras duas taças da Copa União Porthus Junior/Agencia RBS
Equipe de suplentes do São Francisco levou a taça nos suplentes Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O São Francisco fez o dever de casa na definição dos primeiros títulos da 30ª Copa União de Clubes. No domingo, a equipe de suplentes fez 2 a 0 no Juvenil, de São Braz, e se sagrou tricampeão da categoria. No sábado,  nas penalidades, o time da 6ª Légua venceu o São Virgílio, por 3 a 2, e levou a taça pela primeira vez na categoria máster.

Domingo, mesmo com o gramado pesado devido as chuvas da madrugada, o São Chico conseguiu segurar a pressão do Juvenil e foi mortal no segundo tempo. Aos 24 minutos, Rafael de Melo recebeu na entrada da área e chutou forte para abrir o placar. Como o time da 6ª Légua havia vencido o primeiro confronto por 4 a 2, praticamente deu fim as esperanças da equipe de São Braz.

Para não sofrer no final, o time ainda contou com um belo gol de falta de Anderson Chinali, aos 38, para garantir o 2 a 0 e a taça para o time.

Emoções no máster

O São Francisco foi o campeoão da Copa União de Clubes na categoria master
Sábado, quem comemorou foi o time máster do São ChicoFoto: Cristiano Daros / Agencia RBS

No sábado, a final de másters foi um teste para cardíacos. Com a vitória do São Virgilio por 1 a 0 no jogo de ida, o São Francisco precisava vencer a partida para levar à prorrogação. E desde os primeiros minutos, o alviverde da 6ª Légua tomou a iniciativa da partida. No primeiro tempo, pressionou de todas as formas e não conseguia criar chances claras de gol. Quando a etapa inicial se encaminhava para uma igualdade, Alex, aos 38 minutos, fez o gol de falta: 1 a 0 São Chico.

Com o resultado, o jogo ficou morno. No segundo tempo, o São Virgilio reagiu, pressionou, mas também não conseguiu levar perigo. Assim, o jogo se encaminhou para a prorrogação. 

No tempo extra, os donos da casa tiveram três boas chances, com destaque para um chute de Roberto, que explodiu no travessão. Sem ninguém balançar as redes, a partida foi para as penalidades. O goleiro José Donizeti, conhecido como Zetti, pegou duas cobranças e contou com um desperdício dos rivais. Fim de jogo, 3 a 2 nas cobranças de pênaltis e festa do São Chico.

— Tenho um pouco de facilidade para pegar pênaltis. Eu falei para eles (companheiros do time), vamos levar para os pênaltis que eu garanto. Eu estava com confiança — comentou Zetti ao fim da partida. 

No próximo fim de semana, serão disputadas as finais das outras duas categorias. Nos veteranos, entre Juvenil e São Francisco, sábado, às 16h, em São Braz.  

No domingo, União Forquetense e Bevilaqua decidem o título na categoria titulares, às 16h, em Forqueta.

Leia também
Trânsito intenso marca retorno do litoral na Rota do Sol neste domingo

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros