Nada de vídeo. Chimarrão e resenha marcam a véspera de Copagril x ACBF - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Futsal02/11/2018 | 15h46

Nada de vídeo. Chimarrão e resenha marcam a véspera de Copagril x ACBF

Time de Carlos Barbosa está em Marechal Cândido Rondon desde quinta-feira

Nada de vídeo. Chimarrão e resenha marcam a véspera de Copagril x ACBF Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Ala Mithyuê comandou o chimarrão na manhã de sexta-feira Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

A sexta-feira foi de descanso para o time da ACBF. Depois das 15h de viagem de quarta para quinta-feira, o grupo de jogadores e comissão técnica aproveitou no hotel a véspera do confronto contra a Copagril, em Marechal Cândido Rondon, valendo pela partida de ida das quartas de final da Liga Nacional de Futsal.

Leia Mais:
Pela ACBF, Marlon reencontra ex-equipe pelas quartas da Liga Nacional
Diário de Marechal: os bastidores do palco de Copagril x ACBF
Descontração é a carta na manga da ACBF antes de decisão na Liga Nacional  

Com o treino marcado só para o fim da tarde de sexta, a manhã dos jogadores da ACBF foi de "resenha".  No saguão e na frente do hotel onde estamos hospedados com a equipe, as rodas de conversas se formaram. Um destes grupinhos era capitaneado pelo ala Mithyuê, o dono do chimarrão.

- Estamos ansiosos para que comece o jogo. Mas também procuramos relaxar, tomar um mate, conversar, dar uma caminhada para descansar a mente. Eu gosto muito de chimarrão. Aprendi a tomar quando joguei no Grêmio e agora viciei. Tenho o meu próprio chimarrão e tomo todos os dias - comentou o catarinense nascido em Chapecó.

 MARECHAL CANDIDO RONDON, PR, BRASIL, 01/11/2018 - A equipe de futsal ACBF chega em Marechal Candido Rondon para enfrentar a equipe do Copagril. (Marcelo Casagrande/Agência RBS)
Als Felipe Santos (E) e pivôs Darlan (C) e Pesk (D) aproveitaram a "folga" para caminharem pela cidadeFoto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

A ideia da comissão técnica é justamente esta. Fazer com que os jogadores "relaxem" para estarem 100% focados na partida horas antes de a bola rolar no Ginásio Ney Braga.

- As viagens são sempre assim desde que estou na ACBF. Acho isso importante para o ambiente de trabalho.  E ele tem que ser bom. É descontração mesmo. Temos a preocupação com o adversário, mas não gosto de ficar fomentando isso. Acredito que temos de nos preocupar conosco, fazer o nosso trabalho - explicou o técnico Marquinhos Xavier, enaltecendo a união do grupo da equipe laranja.

 * O repórter Renan Silveira e o repórter fotográfico Marcelo Casagrande viajaram com a ACBF a convite da equipe.

Leia Também:
Motociclista morre após colidir com muro em Bento Gonçalves
Flores da Cunha ainda tem falta de luz em localidades do interior
Amadores Esporte Clube: Votan Molossi respira skate  

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros