Intervalo: situação do Juventude na Série B é alarmante - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião05/11/2018 | 08h45Atualizada em 05/11/2018 | 08h45

Intervalo: situação do Juventude na Série B é alarmante

Caso equipe alviverde não vença na terça, a queda será questão de tempo

Intervalo: situação do Juventude na Série B é alarmante Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O quadro do Juventude na Série B que já era preocupante,  termina a rodada como alarmante. Nesta terça (6) poderá ganhar outro adjetivo. Depende agora do grupo alviverde se deixará seu futuro angustiante ou esperançoso.  

O time do técnico Luiz Carlos Winck já contraria a lógica, afinal são mais de 90% de chances para um descenso (Segundo o site Chance de Gol). A situação só não é pior, porque o CRB é o adversário de terça e uma vitória deixará o alviverde forte nesta briga. Por outro lado, a derrota fará com que o rebaixamento seja questão de tempo, ou no futebol, uma questão de rodadas.

Deu a lógica

O Grêmio fez a sua parte, reclamou do técnico Marcelo Gallardo do River Plate. Mas, convenhamos que mudar o resultado dentro de campo era algo impossível. Inclusive, quase inaceitável que a Conmebol tenha demorado tanto para divulgar seu veredicto. 

Destaquei que era impossível e vejo pela questão econômica. O quanto a Conmebol irá faturar com uma final deste calibre em direitos de transmissão? A Libertadores na sua última final em dois jogos merecia que fosse definida com o maior clássico do Mundo. Será um brinde ao futebol.

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL 25/10/2018O caxiense Patrik Mazzuchini é o único skatista profissional da Serra Gaúcha. (Felipe Nyland/Agência RBS)
Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

O atleta caxiense Patrik Mazzuchini (foto acima), único skatista profissional da cidade, está em um novo time. Ele foi anunciado neste fim de semana como representante da marca paulista Freedom Fog. Mais uma boa notícia para o esporte serrano.

Agora é fazer valer o fator casa

Os gaúchos tiveram resultados parecidos nas quartas de final da Liga Nacional de Futsal. Tanto a ACBF, quanto o Atlântico abriram 2 a 0 e cederam o empate. Ainda assim, ambos jogarão em casa o jogo da volta. No caso da ACBF, a tendência é pela classificação já que o time está invicto no Centro Municipal de Eventos. Na outra chave, o Atlântico é favorito.

Enquanto isso, a equipe laranja também já tem adversário definido na semifinal da Liga Gaúcha. Enfrentará a Uruguaianense. No outro lado da chave, Atlântico, de Erechim, e Assoeva, de Venâncio Aires, se enfrentarão. As datas das partidas ainda não foram confirmadas.

Leia mais
Estudantes caxienses avaliam participação no Enem 2018

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros