Com mudanças, Julinho Camargo encaminha time do Juventude para pegar o Figueira - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Série B10/08/2018 | 20h13Atualizada em 10/08/2018 | 20h14

Com mudanças, Julinho Camargo encaminha time do Juventude para pegar o Figueira

Centroavante Elias deve retornar ao time titular. Mamute fica como opção no banco de reservas

Com mudanças, Julinho Camargo encaminha time do Juventude para pegar o Figueira Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

A definição do time do Juventude para encarar o Figueirense ainda depende de algumas observações de Julinho Camargo. No último trabalho, sexta-feira, algumas situações foram trabalhadas pelo treinador alviverde, que não oficializou a equipe que começa o confronto das 19h deste sábado. Yuri Mamute, por exemplo, até poderá começar a partida, mas a tendência maior é com Elias titular.

— O Mamute é um jogador que tem uma retenção de bola muito boa, pela força que tem. Mas está crescendo. Vem de alguns meses parado, tem alguns dias de treino e entrou contra o CSA por 20 minutos. Vamos ver se ele sai jogando, quem sabe um tempo, ou entrar no segundo tempo. Tanto ele quanto o Elias têm que nos dar um aspecto de qualidade na frente — disse o comandante alviverde.

O discurso pregado durante a semana, de retomar o controle do fator casa, foi absorvido pelos jogadores. Vendo a evolução do time após a participação no Gauchão, Julinho acredita que o crescimento para a segunda metade da Série B passa por um capricho maior na conclusão das jogadas.

— Viemos de uma situação negativa para uma mediana. Estávamos numa condição ruim, em um campeonato que não tem uma dificuldade tão grande quanto o Brasileiro. No nacional, tivemos uma campanha mediana. O que tranca a mudança de patamar de médio para bom é o momento final da equipe. Criamos situações, somos uma equipe estável na defesa e no meio, mas não transformamos as situações em gol. E isso nos traz muita dificuldade — ponderou o treinador.

O sistema defensivo está definido por Julinho e sem surpresas. Matheus Cavichioli, Felipe Mattioni, Rafael Bonfim, Fred e Pará formam a primeira linha alviverde. Sem Bertotto, suspenso, Jair e Diones formam a parceria inicial do meio-campo.

A tendência do meio para a frente é que Mamute, Queiróz e Fellipe Mateus iniciem a partida como opção no banco. Enquanto Tony, Leandro Lima, Denner e Elias comecem o confronto. As características do rival podem ser decisivas para a escalação do Juventude.

— É uma equipe muito rápida e que sabe valorizar bem a posse de bola. Uma partida difícil, como as demais têm sido. Mas também temos a nossa ideia e pretendemos fazer um jogo forte. Vamos tentar impor o nosso modo de atuar e buscar a vitória— concluiu Julinho.

Leia também
Serra Gaúcha Rugby busca a terceira vitória na Taça Tupi

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros