Juventude tem boa atuação defensiva e vence o Londrina por 1 a 0 - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Série B08/06/2018 | 21h07Atualizada em 08/06/2018 | 21h08

Juventude tem boa atuação defensiva e vence o Londrina por 1 a 0

Alviverde foi efetivo e o gol marcado por Rafael Bonfim garantiu mais três pontos

Juventude tem boa atuação defensiva e vence o Londrina por 1 a 0 Gustavo Oliveira / Londrina / Divulgação/Londrina / Divulgação
Rafael Bonfim (C) foi o autor do gol alviverde na partida desta sexta-feira Foto: Gustavo Oliveira / Londrina / Divulgação / Londrina / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

Com sete alterações na equipe, o Juventude surpreendeu. Novamente com gol de Rafael Bonfim, o time do técnico Julinho Camargo venceu por 1 a 0 o Londrina, na noite de sexta-feira, no Estádio do Café, pela Série B. A vitória alivia a pressão sobre o treinador e aumenta para sete jogos a invencibilidade do esmeraldino.

Sem Felipe Mattioni, Fred, Pará, Fellipe Mateus e Elias, além dos retornos de Leandro Lima e Bertotto, o Ju não fez um jogo vistoso no ataque. Entretanto, foi seguro na defesa e aproveitou uma das poucas chances no ataque e foi efetivo.

A primeira conclusão da partida foi alviverde. Logo aos três, Neuton pegou uma bola da entrada da área, no lado esquerdo, e chutou em cima da defesa. Arrancando um escanteio. Após a cobrança, a defesa paranaense afastou e iniciou um contra-ataque rápido. A bola terminou no pé de Jardel, que também chutou em cima da marcação. Parecia o início de um jogo movimentado. Mas foi apenas o começo.

A partir daí, o time da casa iniciou uma pressão. Jardel chutou de fora da área aos oito, sem perigo. Aos 12, Felipe Marques cruzou rasteiro, Jardel furou e a bola sobrou para Safira, na direita da área. Sozinho, o atacante bateu para longe. Aos 20, novo cruzamento de Felipe Marques, mas desta vez pelo alto. Como se repetisse o roteiro, Safira apareceu sozinho na direita da área e concluiu mal novamente.

O Ju pouco produziu na primeira etapa. Somente aos 37, teve uma conclusão no gol. Um chute de Diones, da intermediária e fácil para o goleiro. Tudo se encaminha para um 0 a 0, quando Leandro Lima foi derrubado na intermediária ofensiva de ataque. Neuton cobrou a falta na cabeça de Rafael Bonfim. O zagueiro concluiu em cima do goleiro Vagner, que acabou largando a bola nos pés de Bonfim. Na segunda chance, ele não desperdiçou e chutou para abrir o marcador: 1 a 0.

O Ju voltou do intervalo um pouco mais organizado, com isso conseguiu jogar mais no campo ofensivo. Logo aos dois, Neuton cobrou escanteio, e Ricardo Jesus cabeceou no segundo poste. Vagner fez grande defesa. O Londrina voltou a pressionar. Aos 10, após cobrança de falta da meia esquerda ofensiva, Safira cabeceou rente ao travessão.

Gostando do jogo e sempre no ataque, o atacante Dudu arriscou um chute aos 17. A bola foi para fora. O Ju se recuou e contou muito com a pouca qualidade ofensiva do rival. Aos 28, Paulo Henrique invadiu a área e chutou para fora.

Sem ser efetivo, o Londrina assustou em escanteios. Aos 36, Paulo Henrique arrematou de cabeça, uma cobrança do canto direito. A bola passou perto. Sem produzir nada, coube o zagueiro Lucas Costas assustar. Ele chutou de longe e a bola passou próxima da goleira defendida por Matheus Cavichioli.

Fim de jogo, premiada a boa postura defensiva do Juventude: 1 a 0 e três pontos na conta.

Leia também
Operações no Porto Seco da Serra Gaúcha voltam à normalidade

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros