Caxias busca empate fora de casa e a decisão nas oitavas ficará para o jogo no Centenário - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Série D16/06/2018 | 18h02Atualizada em 16/06/2018 | 18h02

Caxias busca empate fora de casa e a decisão nas oitavas ficará para o jogo no Centenário

Equipe grená suportou a pressão do Uberlândia e ficou no 1 a 1, no interior mineiro

Caxias busca empate fora de casa e a decisão nas oitavas ficará para o jogo no Centenário Porthus Junior/Agencia RBS
Time do técnico Winck terá a chance de decidir em casa a vaga nas quartas de final. Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O resultado não é ruim, afinal a decisão fica novamente para o Estádio Centenário. Neste sábado, o Caxias conseguiu o empate com o Uberlândia, em 1 a 1, jogando no Estádio Parque do Sabiás, interior mineiro. Assim, quem ganhar no próximo domingo estará na decisão por uma das quatro vagas à Série C. Neste fase não há gol qualificado e um novo empate a decisão será nos pênaltis.

De fato, o Uberlândia é um time com volume muito alto de situações ofensivas. Nos primeiros 45 minutos, foram ao menos 10 chances e nenhuma convertida em gol. O time do técnico Luiz Carlos Winck pouco fez, mas é letal e saiu vencedor na etapa inicial com gol de Júnior Alves, no último minuto. No segundo tempo, o time da casa teve, novamente, uma boa produtividade no ataque e empatar com gol de João Paulo. No próximo domingo, dia 24, as duas equipes decidem no Centenário.

A pressão foi total do verdão na arrancada da partida. Aos cinco, Ewerton Maradona chutou a primeira e Gledson defendeu. Um minuto depois, Emerson chutou para fora. Aos oito, Matheus Pimenta também conseguiu concluir, mas para fora. Tiago Amaral desperdiçou outra conclusão aos 10.

Em meio a tanta pressão, o Caxias quase abriu o placar com ajuda dos rivais. Aos 12, Nathan cruzou da direita e Airton desviou contra o próprio patrimônio, mas a bola foi para fora. Entretanto, o Uberlândia voltou a pressão. Aos 19, Cesinha foi lançado nas costas de Jean e bateu para fora. Aos 25, Maradona perdeu uma chance livre de marcação. Aos 42, Tiago Amaral teve liberdade para cabecear e também sem perigo.

Tudo indicava que o time do técnico Winck estava se safando na primeira etapa e o empate era bom resultado. Mas o Caxias é um time letal. Aos 47, no último lance do primeiro tempo, Diego Miranda cobrou escanteio da direita e Júnior Alves subiu mais alto que a defesa e abriu o marcador: 1 a 0.

Na volta do intervalo, Winck colocou Laercio na vaga de Cleiton para fechar o lado direito. Mas por ali veio a primeira grande chance. Aos dois minutos, Matheus Pimenta fez boa jogada ofensiva e cruzou para Tiago Amaral. O centroavante cabeceou em cima do goleiro grená. Ele defendeu e impediu o gol de empate. A resposta grená só veio aos nove. Nathan tentou o cruzamento da esquerda e a bola foi direta, tocou o travessão e assustou o time da casa. 

O Caxias conseguiu melhorar seu controle sobre o adversário e diminuir seu volume de jogo. Somente aos 17, Emerson arriscou de longe e facilmente defendido por Gledson. O verdão do interior mineiro só foi ter outro arremate aos 30, com Michel Cury. Também para fora.

Aos poucos e com o embalo da torcida, o Uberlândia começou a pressão para o tudo ou nada. Aos 36, Peixoto cobrou falta na barreira. Um minuto depois, o time da casa conseguiu o empate. Após cruzamento da direita, João Paulo desviou e a bola foi para o fundo do gol: 1 a 1.

O Caxias quase fez o segundo com o lateral Julinho, aos 41. Ele arriscou de fora da área e assustou a torcida mineira. Dois minutos depois, foi a vez de Cury chutar próximo ao gol defendido por Gledson. Aos 48, Diogo Peixoto ainda foi parado pelo goleiro grená. No fim de chances desperdiçadas de lado a lado, o empate em 1 a 1 deixa a decisão para o Estádio Centenário.

Ficha técnica
Uberlândia:
Roni; Cesinha, Alemão, Rogério e Airton; João Paulo, Emerson (Michel Cury 23/2º), Matheus Pimenta e Ewerton Maradona (Diogo Peixoto, 11/2º); Jarlan (Deivison, 35/2º) e Tiago Amaral. Técnico Felipe Surian

Caxias: Gledson; Cleiton (Laercio, int.), Júnior Alves, Jean e Julinho; Marabá, Gilson e Diego Miranda; Eder (Túlio Renan, 22/2º), Wesley (Foguinho, 39/2º) e Nathan. Técnico Luiz Carlos Winck.

Gols: Júnior Alves (C), aos 47min, no primeiro tempo. João Paulo (U), aos 37min, no segundo tempo. Árbitro: Felipe Gomes da Silva, auxiliado por Luciano Roggenbaum e Daniel de Carvalho (trio paranaense). Amarelos: Rogério, Alemão (U); Laercio, Jean, Foguinho (C) . Local: Estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia.

Leia mais
Calçadas se vão na Vinte com a Montaury, em Caxias 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros