Cauê Borges é eleito entre os melhores da temporada 2017/2018 - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Premiado14/06/2018 | 17h02

Cauê Borges é eleito entre os melhores da temporada 2017/2018

Ala, que disputou o NBB 10 pelo Caxias Basquete, ficou no Quinteto Ideal do campeonato

Cauê Borges é eleito entre os melhores da temporada 2017/2018 Luiz Pires / LNB, Divulgação/LNB, Divulgação
Cauê Borges (de azul) foi o primeiro jogador do Caxias Basquete no quinteto ideal de uma temporada Foto: Luiz Pires / LNB, Divulgação / LNB, Divulgação

Um reconhecimento para uma campanha vitoriosa. O ala Cauê Borges, que defendeu o Caxias do Sul Basquete/Banrisul no NBB 10, foi eleito para a seleção da competição, em evento realizado na noite desta quarta-feira, em São Paulo.

Borges foi escolhido para o "Quinteto Ideal do NBB 10" como melhor ala. Terceiro maior cestinha da competição, foi a primeira vez que um jogador do Caxias Basquete esteve entre os eleitos da seleção do campeonato.

O quinteto ideal do NBB 10 foi formado Elinho (Paulistano), Cauê Borges (Caxias Basquete), Marquinhos (Flamengo), Tyrone (Mogi) e  Hettsheimeir. Marquinhos também foi escolhido como MVP da temporada.

Cauê Borges foi anunciado oficialmente como reforço do Botafogo para a próxima temporada. A saída do jogador do Caxias Basquete já estava confirmada antes da ida do time para a China. No clube carioca, Borges irá com  Léo Figueiró, ex-auxiliar de Rodrigo Barbosa e técnico do alvinegro.

Confira os melhores do NBB 10

 MVP (Jogador Mais Valioso): Marquinhos (Flamengo)
Melhor Armador: Elinho (Paulistano)
Melhores Alas: Cauê Borges (Caxias Basquete) e Marquinhos (Flamengo)
Melhores Pivôs: Tyrone (Mogi das Cruzes) e Hettsheimeir (Bauru) 
Melhor Técnico (Troféu Ary Vidal): Gustavo De Conti (Paulistano)
Melhor Estrangeiro: Tyrone (Mogi das Cruzes)
Destaque Jovem: Gabriel Jaú (Bauru)  
Melhor Sexto Homem: Deryk Ramos (Paulistano)
Jogador que Mais Evoluiu: Wesley (Minas)
Melhor Defensor: Jimmy (Mogi das Cruzes) 
Cestinha (Troféu Oscar Schimdt):  Marquinhos (Flamengo) – média de 17,9 pontos por jogo
Líder em rebotes: Leozão (Basquete Cearense) – média de 8,7 por jogo
Líder em assistências:  Gegê (Minas) – média de 7,0 por jogo
Melhor ataque: Paulistano – média de 84,0 pontos por jogo 
Melhor defesa: Franca Basquete – média de 71,5 pontos sofridos por jogo 
Equipe Fair Play: Vasco
Melhor árbitro: Cristiano Maranho (SC)
Melhor Trio de Arbitragem: Cristiano Maranho (SC), Fabiano Huber (GO) e Diego Chiconato (PR)
Árbitro revelação: Ramiro Marques Inchauspe (RS)

Leia também
De São Braz à Rússia: técnico Tite teve uma infância de travessuras em Caxias do Sul

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros