Com Caio Rangel como dúvida, Juventude treina em Criciúma nesta segunda-feira  - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Série B14/05/2018 | 08h00Atualizada em 14/05/2018 | 08h00

Com Caio Rangel como dúvida, Juventude treina em Criciúma nesta segunda-feira 

Alviverde encara o Tigre no Heriberto Hülse, na noite de terça-feira

Com Caio Rangel como dúvida, Juventude treina em Criciúma nesta segunda-feira  Felipe Nyland/Agencia RBS
Antes do embarque, no domingo, zagueiro Rafael Bonfim alertou para o momento de instabilidade vivido pelo Criciúma Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

O Juventude mal teve tempo de se lamentar. Depois do empate em casa em 1 a 1 com o Paysandu, na sexta-feira, os jogadores do alviverde tiveram muito trabalho no fim de semana, afinal, o Ju volta a campo nesta terça-feira, contra o Criciúma, às 21h30min, no sul catarinense.

Para essa partida, as novidades ficam por conta dos atacantes Guilherme Queiróz e Caio Rangel. O primeiro, artilheiro do time no ano, ficou de fora da última rodada por estar voltando de lesão. Já Caio Rangel deixou o campo mais cedo contra o Paysandu, viajou com a delegação no domingo, mas ainda não tem presença confirmada na partida.

– Vamos levar o Caio, estamos levando o fisioterapeuta também. Vamos tentar colocar o Caio no jogo porque é um dos nossos principais jogadores. É importante ver todas as possibilidades nesses dois dias – explicou o técnico Julinho Camargo.

No treino de domingo pela manhã, o treinador não esboçou um provável time. A principal dúvida fica por conta da manutenção do zagueiro César Martins como lateral-direito. Para o zagueiro Rafael Bonfim, ter um defensor ao seu lado auxilia na segurança defensiva:

– O César é um jogador de muita qualidade, tem facilidade na saída de bola, tem velocidade também. Com ele ali do lado, dá mais segurança defensivamente. Por ele ser zagueiro, marca melhor. 

Com uma vitória, dois empates e duas derrotas, o Juventude espera fazer um jogo de recuperação, mesmo fora de casa. Uma das receitas é estancar a defesa, que vazou em todas as partidas disputadas na Série B.

– O time deles vêm sofrendo muitos gols também. Terá pressão em cima deles e precisamos utilizar isso a nosso favor. Não estamos felizes por esses gols que estamos sofrendo, mas estamos trabalhando bastante e creio que iremos fazer partidas mais seguras daqui para a frente – acrescentou Bonfim, titular nos últimos dois jogos do Ju.

Leia Também:
Falta de pediatras poderá se repetir no Postão 24h de Caxias do Sul
No Twitter, prefeito de Caxias alfineta Justiça sobre valor da tarifa do transporte coletivo urbano

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros