Caxias vence com autoridade no seu milésimo jogo em casa e vai encarar o Maringá na próxima fase - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Série D27/05/2018 | 19h55Atualizada em 27/05/2018 | 20h22

Caxias vence com autoridade no seu milésimo jogo em casa e vai encarar o Maringá na próxima fase

Equipe grená aplicou 3 a 1 no Inter de Lages-SC e ficou com a segunda melhor campanha do torneio

Caxias vence com autoridade no seu milésimo jogo em casa e vai encarar o Maringá na próxima fase Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Nathan fez o seu gol na vitória do Caxias Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Um número emblemático e que precisava de uma grande atuação para coroar. No milésimo jogo do Caxias no Estádio Centenário, a equipe do técnico Luiz Carlos Winck aplicou 3 a 1 no Inter de Lages-SC e garantiu a segunda melhor campanha da Série D. Na próxima fase, o adversário será o Maringá-PR, com o primeiro confronto no interior paranaense.

Diego Miranda, Nathan e Caio Cézar fizeram os gols grenás, que também contou com uma grande atuação do goleiro Gledson. Vitor Michels fez o gol de desconto para o colorado de Santa Catarina, que também avançou à segunda fase.

O jogo começou lento e até sem grandes atrativos. A equipe grená não exerceu nenhuma pressão sobre o rival e esperou para ver como os catarinenses iriam se comportar. A primeira finalização da partida foi do Inter. Aos cinco, Gian recebeu na meia esquerda, em rápido contragolpe, e bateu em cima da marcação de Gilson. 

O Caxias pouco produziu de finalizações, mas isso até aos 28. Após boa troca de passes, Eder cruzou rasteiro e a bola ficou no pé de Diego Miranda. Dentro da área, ele limpou a marcação de quatro defensores e arrematou com força para vencer o goleiro Fabian Volpi: 1 a 0. 

Na frente, o grená começou a empilhar oportunidades. Aos 32, Nathan cabeceou para fora. Aos 35, novamente o atacante teve uma chance e bateu em cima do goleiro. O Inter foi assustar aos 45. Vitor arriscou um chute de fora da área e Gledson fez grande defesa. Mas jogando melhor, o Caxias intensificou o toque de bola e fez outro gol aos 47. Após tabela com Wesley na direita, Cleiton cruzou e Nathan, enfim, marcou o seu: 2 a 0 e uma excelente vantagem para a segunda etapa. 

Na volta do intervalo, o Inter se lançou ao ataque. Logo aos três, após uma construção de jogada, Luiz Henrique ficou livre para chutar da entrada da área. Mas Gledson fez outra boa defesa. Necessitando pontuar, o clube catarinense pressionou e deu resultado. Aos 10, Vitor Michels chutou da intermediária e no cantinho: 2 a 1. 

Nem deu tempo do Inter comemorar ou achar que poderia empatar. Wesley dominou na intermediária e tocou para Caio Cézar na direita. Ele bateu firme e no canto direito do goleiro: 3 a 1. 

Sem pressa, o time de Winck trabalhou a bola, girou o jogo e apenas administrou a vantagem. O terceiro gol sofrido brecou a reação adversária. O Inter pouco ameaçou. Somente aos 39, após boa troca de passes pela direita, Kellyton cruzou rasteiro e Toshi concluiu, de frente para o gol. Gledson fez uma defesa e rapidamente aplaudida pelo torcedor.

Com o resultado, a equipe grená encerra a primeira fase com 16 pontos, apenas dois perdidos nos 18 disputados.

Leia Também
Esportivo é goleado pelo Pelotas fora de casa e eliminado da competição
Glória é goleado em casa e adia sonho de voltar à elite do futebol gaúcho

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros