Juventude busca equilíbrio nas atuações para vencer a primeira na Série B - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

No Jaconi26/04/2018 | 08h00Atualizada em 26/04/2018 | 08h00

Juventude busca equilíbrio nas atuações para vencer a primeira na Série B

Para goleiro Matheus, objetivo deve ser harmonizar desempenho de primeiro e segundo tempo 

Juventude busca equilíbrio nas atuações para vencer a primeira na Série B Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Goleiro Matheus Cavichioli acredita que grupo de jogadores de 2018 é melhor do que elenco do ano passado Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

Equilíbrio é a palavra de ordem no Alfredo Jaconi. Sem vencer na Série B, o Juventude quer usar o primeiro tempo do último jogo e a segunda etapa da estreia para conseguir sua primeira vitória na competição.

Para o goleiro Matheus Cavichioli, confiança e entrosamento não faltam. O atributo para vencer o Avaí no sábado, em casa, é colocar em prática o que vem sendo treinado por Julinho Camargo.

– O Julinho tem pensado muito nisso. Achar o equilíbrio para não ter diferença nos tempos. Quando se tem uma mudança drástica tanto de peças quanto de comando, a gente busca assimilar o mais rápido possível. E os trabalhos do Gilmar, do Zago e do Julinho são bem diferentes. Já trabalhei com o Julinho algumas vezes. Eu sei como ele posiciona a equipe, sei como ele quer o time jogando, como posiciona a linha defensiva. Nossa construção de equipe começa atrás, com uma cozinha forte. Talvez quem nunca trabalhou com ele demore para assimilar isso – argumenta o camisa 1 do Ju.

No dia do goleiro, Matheus reforça que há evolução na equipe, apesar dos tropeços. O jogador ainda acrescenta que vê no grupo de 2018 uma consistência maior em relação ao elenco do ano passado:

– Acredito que seja um grupo mais consistente. Ano passado tivemos peças que se sobressaíram, como o Tiago Marques. Esse ano temos peças de reposição ali atrás, coisa que não tínhamos ano passado. Sinto esse grupo mais entrosado, mesmo com pouco tempo de trabalho. Acredito nesse grupo e no trabalho que está sendo feito.

No campo, não há novidades. O atacante Maikinho, recém-contratado, treina com o grupo, mas ainda não tem previsão para ter condições legais de jogo. O atacante Caprini, que se recupera de lesão, ainda treina em separado.

Leia Também:
BM prende dois homens na Vila Ipê, em Caxias do Sul
Festa do Divino começa neste domingo com cavalgada em Caxias do Sul
Polícia apreende 600 pedras de crack em Bento Gonçalves

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros