Intervalo: Uma grande iniciativa do Caxias para o amistoso de sábado - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Opinião10/04/2018 | 07h00Atualizada em 10/04/2018 | 07h00

Intervalo: Uma grande iniciativa do Caxias para o amistoso de sábado

Jogo terá verba destinada para o colega Bruno Caldart

Intervalo: Uma grande iniciativa do Caxias para o amistoso de sábado Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Para apoiar
Digna de aplausos a iniciativa do Caxias para o amistoso de sábado, às 10h. Além de convocar a torcida para o último teste antes da Série B, o clube fará uma bela ação social em prol do colega da Rádio Caxias, Bruno Caldart. 

Caldart segue na sua batalha para arrecadar fundos e fazer o transplante de células tronco, maior esperança contra a doença de Crohn, a qual descobriu em 2005, quando tinha 14 anos. Vale sempre fazer o registro e reforçar o pedido de ajuda ao amigo.

Para destacar: os ingressos para Caxias x São José custam R$ 10. Quem quiser colaborar com um valor superior, vale a solidariedade e a possibilidade de cada um contribuir.

Base consolidada
Pelo que tem feito até agora nos treinos da intertemporada, Julinho Camargo já tem uma ideia de time formatada para as primeiras rodadas da Série B. É uma mescla de jogadores que chegaram e alguns remanescentes. 

Nas posições consideradas mais carentes durante o Gauchão, Mattioni chegou e assumiu a lateral direita. Jair ganha espaço no meio-campo. 

Sem tantas novidades, o ataque é o setor que menos terá novidades, com o quarteto Felipe Lima, Fellipe Mateus, Leandro Lima e Ricardo Jesus. O curioso é que os quatro só jogaram juntos uma vez: contra o Avenida, em Santa Cruz do Sul, em 5 de fevereiro.

Seleção do Gauchão
Caxias e Veranópolis chegaram a ter atletas entre os três indicados de cada posição para a seleção do Gauchão, mas ficaram de fora da lista final.

O time escolhido tem Marcelo Grohe (Grêmio); Itaqui (Avenida), Geromel (Grêmio), Kannemann (Grêmio) e Iago (Inter); Arthur (Grêmio), Leandro Leite (Brasil-Pel), D’Alessandro (Inter) e Luan (Grêmio); Everton (Grêmio) e Michel (São Luiz). 

O técnico escolhido foi Renato Portaluppi, o craque, o atacante Everton, e a revelação, o lateral Iago. Leandro Vuaden foi o melhor árbitro e Lúcio Flor o destaque como assistente.


 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros