Caxias faz último amistoso neste sábado antes da estreia na Série D do Brasileirão - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Preparação13/04/2018 | 18h19Atualizada em 13/04/2018 | 20h19

Caxias faz último amistoso neste sábado antes da estreia na Série D do Brasileirão

Equipe grená encara o São José-PoA pela manhã, no Estádio Centenário

Caxias faz último amistoso neste sábado antes da estreia na Série D do Brasileirão Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Goleiro Gledson (centro) lembra que o time grená ainda não venceu o Zequinha em 2018 Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

O Caxias terá a última oportunidade de jogar uma partida sem valer os três pontos. O jogo deste sábado, contra o São José-PoA às 10h, no Estádio Centenário, é o teste derradeiro antes da Série D. Por isso, o técnico Luiz Carlos Winck quer observar muito bem suas novas jogadas e o seu novo ataque. Já que é onde o time mais foi alterado.

— Mudamos os movimentos na frente, o ataque praticamente alterou todos (jogadores). Hoje temos Eder, Wesley e Nathan. Inicialmente não iremos fixar um jogador como referência, vamos deixá-los movimentar — projeta o treinador.

O jogo também tem costuras interessantes nesta temporada. Na pré-temporada para o Gauchão, a equipe grená perdeu seu último amistoso para o Zequinha, por 1 a 0, no Centenário. No Estadual, o Caxias parecia vencer até aos 33 minutos, quando sofreu o empate, também em casa, e ficou no 2 a 2. 

— A expectativa de fazer um grande jogo, porque terá uma importância muito grande por ser em casa e por não termos vencido eles ainda. Perdemos na fase preparação e depois um empate diante da nossa torcida. Teremos a oportunidade agora de mostrar ao torcedor que a nossa equipe se fortaleceu para começar na Série D — lembra o goleiro Gledson

A competição que se avizinha é a grande obsessão do Caxias. Afinal, é o movimento final da atual administração para que o clube volte a ocupar um espaço melhor no cenário nacional. Por isso o acesso se torna tão importante e faz parte diariamente da conversa no Centenário. Winck quer seu time forte neste amistoso e principalmente nesta última semana de preparação.

— Procurar repetir o bom jogo-treino que fizemos na primeira etapa com o Inter, onde tivemos a equipe base. Se repetirmos isso, teremos uma grande expectativa de fazer uma Série D boa. É manter o nível de treinamentos, de muita concentração, busca e indignação ainda com a saída prematura do Gauchão. Isso precisa estar presente no nosso dia a dia e estou cobrando muito: se sentir indignado todo dia que vir treinar, estar aqui com mais motivação para fazer  uma competição melhor que fizemos no início do ano — revela o treinador grená.

A equipe grená terá em campo: Gledson; Igor Bosel, Júnior Alves, Jean e julinho; Marabá e Gilson; Nathan, Diego Miranda, Wesley e Eder.

Ingresso em prol da solidariedade

O torcedor que for ao Centenário na manhã deste sábado terá que desembolsar o mínimo de R$ 10. Mas a causa é nobre. Toda arrecadação será repassada ao estudante de jornalismo  Bruno Caldart. Ele sofre com a doença de Crohn e precisa angariar recursos para o tratamento com células tronco. Ao todo, é necessário R$ 300 mil. 

A direção pede um valor mínimo de R$ 10, mas o torcedor que comparecer ao amistoso também poderá contribuir com um valor maior.

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros