Veranópolis preza por cautela após vitória no jogo de ida das quartas de final - Esportes - Pioneiro
 

Gauchão 201820/03/2018 | 15h10Atualizada em 20/03/2018 | 15h10

Veranópolis preza por cautela após vitória no jogo de ida das quartas de final

Pentacolor deve treinar em gramado sintético apenas na véspera de encarar o São José

Veranópolis preza por cautela após vitória no jogo de ida das quartas de final Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Veranópolis do lateral Romano (C) venceu o São José por 1 a 0 no jogo de ida, no Antônio David Farina Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

Com vantagem, mas com os pés no chão. O gol de cabeça do zagueiro Léo Dagostini, aos 45 minutos do primeiro tempo, deixou o Veranópolis em boas condições de se classificar para as semifinais do Campeonato Gaúcho. No entanto, o discurso  pentacolor é de cautela para a partida da volta.

Leia Mais:
Vídeo: técnico Sananduva garante Veranópolis propondo o jogo na partida de volta
Veranópolis bate o São José no jogo de ida das quartas, no Antônio David Farina

O motivo para a preocupação passa pelo adversário, o São José, mas principalmente pelo gramado do time rival. No Estádio Passo D’Areia a grama é sintética e sempre razão para reclamações dos clubes que lá jogam.

Para tanto, a análise do Departamento Médico do VEC será decisiva para definir a escalação do time para quinta-feira, às 21h30min. Um dos jogadores que preocupa é o zagueiro Rafael Bonfim, que saiu mais cedo no jogo de ida no último domingo, após uma dividida com Marcio Jonatan.

– Vamos ver, falar com o departamento médico para ver quem está bem e pode jogar. Vamos montar uma estratégia um pouco diferente. É um gramado onde a bola fica mais viva e é preciso mais força física e imposição – destacou o técnico Sananduva.

O treinador ainda estuda se a equipe irá se preparar em um piso semelhante ao gramado do Zequinha.

– Temos gramados sintéticos em Veranópolis. Ainda será analisado se vamos trabalhar neles ou deixar para a hora do jogo, para sentir menos desgaste físico, até porque os jogadores não são acostumados – explicou.

Para se classificar, o Veranópolis pode empatar ou até perder por um gol, desde que marque na casa do time porto-alegrense.

 No domingo à noite, no Antônio David Farina, o time do técnico Sananduva venceu sua quinta partida em Veranópolis e segue invicto diante do seu torcedor.  Ao todo, são seis jogos sem perder e apenas três gols sofridos sobre os seus domínios.

Aliás, a defesa do VEC segue a menos vazada do Gauchão, com cinco gols contra. O alento é que só dois destes foram como visitante, nas derrotas para Inter e Brasil-Pel, às únicas do Pentacolor na temporada.

Leia também
Vídeo: O que mostram as câmeras do caminho onde menina desapareceu em Caxias
Investigação sobre criança desaparecida em Caxias do Sul ainda é cercada de mistérios
Polícia relaciona carro branco com o desaparecimento de menina em Caxias 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros