Novo sistema, mais liberdade de criação ofensiva para Rafael Gava no Caxias - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Gauchão 201801/03/2018 | 20h20Atualizada em 01/03/2018 | 20h21

Novo sistema, mais liberdade de criação ofensiva para Rafael Gava no Caxias

Jogador voltará a jogar como meia-armador diante do Avenida, no próximo sábado

Novo sistema, mais liberdade de criação ofensiva para Rafael Gava no Caxias Felipe Nyland/Agencia RBS
Rafael Gava tem três assistências e um gol no Gauchão Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

O novo sistema de jogo do Caxias dará mais liberdade para Rafael Gava. Meia de origem, o jogador vinha atuando, e bem, como segundo volante desde o começo do Campeonato Gaúcho. Isso vai mudar neste sábado, quando o Caxias encara o Avenida, em Santa Cruz do Sul.

Por opção, Gava jogava mais recuado para melhorar o passe na saída de jogo do time grená, ao lado de Régis. Na pré-temporada, o meia vinha jogando na sua posição, mas desde o intervalo do amistoso contra o São José, passou a ser o “camisa 8”, com Diego Miranda sendo o articulador.

Buscando voltar a vencer, Luiz Carlos Winck optou por povoar a região do meio-campo. Com isso, o atacante Nicolas perde a vaga para o volante Gilson. Com isso, Diego Miranda será deslocado para a extrema direita para que Gava jogue como meia-armador. O esquema segue o 4-2-3-1.

– Mesma coisa. Muda a característica dos jogadores. Ele preferiu um volante mais de marcação. Acho que melhora. Querendo ou não fico mais perto do gol. Como volante ajudo mais na marcação e fico mais distante da área do outro time. Terei mais liberdade e me movimentarei mais pelos dois lados – aprova Rafael Gava.

Com três assistências, o meia é o líder do Caxias neste quesito. Além disso marcou um gol. No entanto, esses números foram obtidos nas duas primeiras rodadas do Gauchão. Gava espera que o novo posicionamento devolva essa característica decisiva ao time.

– Espero estar inspirado para fazer a ligação e deixar os atacantes na cara do gol. O Diego Miranda também tem essa característica. Espero pode contribuir e estar num dia bom para dar algum passe para gol ou fazendo gol também – projeta

O zagueiro Laércio outra vez ficou fora do treino nesta quinta-feira. Se não jogar, Geninho será o companheiro de zaga de Júnior Alves.

Leia também:
Câmara de Caxias autoriza prefeitura a repassar R$ 1,5 milhão para Festa da Uva S/A
Implementos e veículos da Guerra SA, de Caxias do Sul, irão a leilão

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros