Segunda chance para levar o título do Banana Bowl - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Tênis23/02/2018 | 20h36Atualizada em 23/02/2018 | 21h07

Segunda chance para levar o título do Banana Bowl

Paulista Camila Bossi decidirá contra a uruguaia Guillermina Grant

Segunda chance para levar o título do Banana Bowl Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Camila Bossi tenta levar pela primeira vez o título do Banana Bowl Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

A paulista Camila Bossi, número 4 no ranking sul-americano,  não teve grandes dificuldades na sexta-feira. Ela fez prevalecer seu jogo e saiu vencedora do duelo contra a peruana Karen Siu, parciais de 6/1 e 6/4. Na final, a menina de 14 anos tem a segunda chance de levar o troféu do 48º Banana Bowl – há dois anos ela foi vice na categoria sub-12.

— Da última vez ficou o gosto de vice, agora vou entrar com tudo para sair campeã — afirma Camila.

Leia mais
Embate de dois velhos conhecidos no Banana Bowl
Fim de semana definirá os vencedores no Banana Bowl

Só que para chegar no topo, ela terá que desbancar a líder do ranking feminino, a uruguaia Guillermina Grant, de 15 anos. Ela passou pela peruana Daianne Hayashida, de virada, em um duelo de quase três horas de duração e com placar apertado: 2/6, 6/0 e 7/6(4).

— Uma partida muito mental no terceiro set, que exigiu muita atenção. Uma partida muito difícil — avaliou Guillermina, que completou sobre como estará para a final de sábado:

— Estou bem e com bastante confiança após esta grande partida.

Em jogo, pontos preciosos para a classificação à gira europeia. 

— Estou muito feliz (de estar na final). Acho que com esse resultado vou conseguir ir para a gira europeia, algo que eu sempre quis – afirma Camila. 

Leia também
Moradores de Caxias do Sul recebem edição do projeto "Tenda Digital" da RBS TV


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros