Juventude abre dois gols de vantagem, mas cede empate em 2 a 2 para o Avenida - Esportes - Pioneiro
 

Gauchão 201805/02/2018 | 21h55Atualizada em 05/02/2018 | 22h06

Juventude abre dois gols de vantagem, mas cede empate em 2 a 2 para o Avenida

Alviverde teve dois gols marcados por Ricardo Jesus, mas não segurou equipe da casa, em Santa Cruz do Sul

Juventude abre dois gols de vantagem, mas cede empate em 2 a 2 para o Avenida Arthur Dallegrave / Juventude, Divulgação/Juventude, Divulgação
Juventude de Leandro Lima (E) não vence fora de casa desde setembro do ano passado Foto: Arthur Dallegrave / Juventude, Divulgação / Juventude, Divulgação

O roteiro parecia perfeito. Ainda não foi desta vez que a tão esperada vitória fora de casa veio para o Juventude. Sem vencer desde setembro do ano passado longe do Alfredo Jaconi, ainda na Série B, o Ju conseguiu abriu dois gols sobre o Avenida, em Santa Cruz do Sul, mas cedeu o empate nos minutos finais. De positivo, apenas a atuação de Ricardo Jesus, que marcou os dois gols do Ju no 2 a 2 com o rival. Fidélis e Alexandre, aos 42 minutos do segundo tempo, marcaram para os donos da casa.

O Juventude tinha quatro novidades em relação à última partida, quando empatou em 0 a 0 com o Interporto-TO, pela Copa do Brasil: os volantes Bruninho e Amaral e os atacantes Felipe Lima e Ricardo Jesus. Os primeiros 20 minutos, no entanto, foram de muito estudo e nada de finalizações. 

A bola pouco parava no meio de campo, com as equipes trocando passes no campo de defesa ou se utilizando do chutão na tentativa de criar jogadas. Depois disso, o Ju passou a dominar as ações, já na intermediária rival, mas sem objetividade ou erro no chamado último passe.

A única defesa de um goleiro na partida foi de Douglas, que espalmou escanteio fechado cobrado por Diego Torres, aos 37 minutos.

A primeira finalização do Ju foi fatal e com participação das novidades. Aos 40, Pará fez jogada pela esquerda, e Felipe Lima cruzou na medida para Ricardo Jesus cabecear forte para abrir o placar. Foi o primeiro gol do centroavante, em sua estreia como titular alviverde.

O segundo tempo começou com o Avenida pressionando. Aos oito minutos, Welder cruzou rasteiro na medida para Hyantony. O camisa 9 só não marcou porque o goleiro Douglas se jogou na bola para antecipar a conclusão do rival e evitar o empate.

Aos 16, pênalti para o Ju. Ricardo Jesus foi agarrado dentro da área e a infração foi marcada. Na cobrança, aos 17, o próprio camisa 9 bateu forte, deslocou o goleiro e ampliou o placar para 2 a 0.

No lance seguinte, um milagre do goleiro Douglas. O camisa 1 fez defesa salvadora em chute à queima-roupa de Welder.

A pressão deu resultado aos 27 e o Avenida descontou. Fidélis aparou rebote e chutou, a bola resvalou em César Martins e traiu o goleiro Douglas.

Caprini, aos 37, ainda teve chance de ampliar, mas o chute cruzado saiu à esquerda do goleiro Fabiano Heves.

A vitória se encaminhava. Mas, aos 42 minutos da etapa final, Alexandre arriscou de fora da área e empatou a partida. 

Ficha Técnica:

Avenida: Fabiano Heves; Itaqui, Luis Henrique, Claudinho e Roger; Toto, Tchelé (Marques, 30/2º) e Fidélis; Diego Torres (Alexandre, int.), Welder e Hyantony (Cléverson, 19/2º). Técnico: Fabiano Daitx.

Juventude: Douglas; Vidal, Micael, César Martins e Pará; Amaral e Bruninho (Mateus Santana, 33/2º); Fellipe Mateus (Fred, 40/2º), Leandro Lima e Felipe Lima (Caprini, 33/2º); Ricardo Jesus. Técnico: Antônio Carlos Zago.

Gols: Ricardo Jesus (J), aos 40min, no primeiro tempo, e aos 17min, no segundo tempo; Fidélis, aos 27min, e Alexandre, aos 42, no segundo tempo. Cartões Amarelos: Luís Henrique (A); Douglas, Mateus Santana (J). Árbitro: Douglas Silva, auxiliado por José da Silva Alves e Luiza Reis. Local: Estádio dos Eucaliptos, Santa Cruz do Sul. 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros