Goleiro Gledson espera que boa atuação do Caxias na Copa do Brasil reflita no Estadual - Esportes - Pioneiro
 

Gauchão 201801/02/2018 | 08h00Atualizada em 01/02/2018 | 13h17

Goleiro Gledson espera que boa atuação do Caxias na Copa do Brasil reflita no Estadual

Camisa 1 foi peça importante na partida grená diante do Atlético Paranaense

Goleiro Gledson espera que boa atuação do Caxias na Copa do Brasil reflita no Estadual Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Goleiro Gledson quer fazer história com a camisa do Caxias Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

A eliminação do Caxias na Copa do Brasil já foi superada no Estádio Centenário. Ainda que um ou outro torcedor lamente o regulamento da competição – em que o empate favoreceu o Atlético-PR –, todos estão contentes com a apresentação que o time teve na terça-feira. Isso também é válido para o grupo de jogadores dentro de campo, que viu mais pontos a comemorar do que lamentar. É exemplo que fica para a campanha irreparável dentro do Gauchão.

– O jogo serviu para nos conscientizarmos de que temos um grande potencial. Estamos bem, mas é preciso aperfeiçoar os acertos e corrigir os erros. Isso é fundamental. Sabemos que o São José-PoA (adversário de domingo) é complicado e esperamos fazer outra grande partida, como nos últimos duelos – pontua o goleiro Gledson.

O camisa 1 foi o principal destaque no empate sem gols com o Atlético-PR. Com uma equipe  ofensiva e, por consequência, permitindo espaços no segundo tempo para o adversário ter pelo menos três contra-ataques com chances claras de gols, prevaleceu Gledson. Foi aquela atuação para tirar qualquer desconfiança sobre o jogador.

– Vim com o objetivo de fazer um bom trabalho e escrever meu nome na história do Caxias. Ontem (terça) o torcedor pôde ver minhas capacidades técnicas, táticas e de lideranças – destaca ele.

Para cumprir com a meta pessoal, o Gauchão passa a ser prioridade. No domingo, a equipe encara o São José-PoA, 18h, no Centenário, defendendo os 100% de aproveitamento. A partida vale uma classificação muito antecipada à segunda fase, já que a estimativa é de que, com 15 pontos, o clube esteja matematicamente garantido nas quartas de final. Só que Gledson pensa mais longe:

– O Gauchão é um dos estaduais mais difíceis do Brasil. Agora, por tudo que fizemos até aqui, podemos ir mais longe dentro da competição. Espero que possamos desenvolver um resultado melhor do que o feito até aqui, buscar essa classificação e ver se conseguiremos brigar pelo título.

Agora, é concentração máxima dentro do Estadual. Seja para fazer história e brigar pelo título ou para garantir uma vaga na Copa do Brasil de 2019. Assim trabalha o Caxias para as próximas rodadas: objetivos claros e altos.

– Temos que seguir com a mesma dedicação, porque temos muito para mostrar neste Gauchão. E se continuar nesta pegada, tem coisas boas por vir – finaliza o goleiro.

Leia Também:
Em meio à denúncia de impeachment do prefeito, Câmara de Vereadores de Caxias retoma sessões ordinárias
Família consegue reaver apartamento que havia sido invadido em Flores da Cunha

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros