Dupla da ACTKD/UCS garante sequência na seleção brasileira de taekwondo - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Grand Slam27/02/2018 | 06h30Atualizada em 27/02/2018 | 06h30

Dupla da ACTKD/UCS garante sequência na seleção brasileira de taekwondo

Júlia Molon, no juvenil, e Welinton Fraga, no adulto, mantiveram suas posições

Dupla da ACTKD/UCS garante sequência na seleção brasileira de taekwondo actkd / divulgação/divulgação
Welington (E) pode disputar o Pan-Americano da modalidade Foto: actkd / divulgação / divulgação
Pioneiro
Pioneiro

Disputado no final de semana no Rio de Janeiro, o Grand Slam de Taekwondo 2018 definiu os dois atletas de cada categoria que defenderão a seleção brasileira, no adulto e no juvenil, durante a temporada. E dois lutadores da Associação Caxiense de Taekwondo (ACTKD/UCS) mantiveram suas posições como reservas imediatos da equipe brasileira.

No juvenil feminino, Júlia Molon, 16 anos, competiu na categoria até 52kg, venceu a semifinal, mas perdeu a decisão para uma atleta de São Paulo, no detalhe, por 12 a 10.  

Já no adulto masculino, Welinton Fraga disputou quatro lutas e venceu três desafiantes até chegar à decisão. Ele continuará como suplente na categoria até 54kg já que foi derrotado em duelo equilibrado com Paulo Ricardo, do Rio Grande do Norte. 

A novidade é que Welinton poderá disputar o Pan-Americano da categoria, que ocorre entre os dias 11 e 13 de julho deste ano, nos Estados Unidos. Como o atleta titular já conquistou a vaga para a competição anteriormente, em outra disputa internacional, é grande a possibilidade do atleta da ACTKD ser convocado.

Porém, antes, entre os dias 19 a 30 de abril, Welinton embarca para treinar com a seleção em Goiânia.

Os resultados voltam a comprovar o ótimo trabalho do técnico Daniel Brisotto e da equipe caxiense. Ainda disputaram a competição os atletas Renan Caetano, Dafine Ferreira Rodrigues e Gustavo Bianchi da Silva, que não conseguiram alcançar às decisões.

Entre os confirmados na seleção brasileira está o medalhista olímpico no Rio 2016 Maicon Andrade, que venceu todas as suas lutas, na categoria + 87 kg, com ampla vantagem.

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros