Caxias Basquete bate a Liga Sorocabana fora de casa e volta a vencer no NBB 10 - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

11ª vitória19/02/2018 | 22h55Atualizada em 19/02/2018 | 23h06

Caxias Basquete bate a Liga Sorocabana fora de casa e volta a vencer no NBB 10

Equipe caxiense superou o lanterna, em jogo apertado, por 75 a 71

Caxias Basquete bate a Liga Sorocabana fora de casa e volta a vencer no NBB 10 Marina Gouvêa/Divulgação
Foto: Marina Gouvêa / Divulgação

Acabou o jejum. Na noite desta segunda-feira, no interior paulista, o Caxias do Sul Basquete/Banrisul voltou a vencer no NBB 10. Em um duelo igual e decidido nos detalhes, a equipe caxiense bateu a Liga Sorocabana por 74 a 71 e voltou a ter 50% de aproveitamento na competição.

NBB10

Mais uma vez, Cauê Borges foi o grande nome do Caxias. Com 22 pontos, três assistências e quatro bolas roubadas, o jogador, indicado para participar do Jogo das Estrelas, foi o cestinha da partida. Paranhos contribuiu com 12 pontos, seguido por Alex e Pedro com nove.

Depois da sequência de quatro partidas fora de casa, o time caxiense volta a atuar em casa na próxima semana, no Ginásio do Vascão. Na terça-feira, dia 27, o adversário será o Basquete Cearense. Na sexta, dia 2 de março, o Vitória. São dois confrontos diretos pelo G-8.

A primeira parcial foi marcada pelo equilíbrio e pela alternância na liderança do placar. Com bom aproveitamento ofensivo de Cauê Borges, que foi o destaque caxiense no quarto, o time de Rodrigo Barbosa não conseguiu abrir mais do que três pontos de frente. Ao final dos 10 minutos, empate em 19 a 19.

Com o norte-americano Cook como principal referência, a Liga Sorocabana iniciou melhor o segundo quarto. Porém, nada que fizesse o time da casa abrir larga vantagem. Com os dois times alternando bons ataques com alguns erros, o duelo seguiu sem que nenhum dos times se destacasse. Com Paranhos pendurado com três faltas, os visitantes revezaram praticamente todo o grupo. Mesmo assim, com altos e baixos, o Caxias foi para o intervalo com uma diferença mínima: 36 a 35.

O retorno do vestiário teve o time da casa marcando 8 a 1 nos minutos iniciais, e mantendo-se à frente do placar durante boa parte do quarto. Depois de um início ruim, o Caxias voltou a equilibrar as ações, especialmente pelas mãos de Alex e Cauê Borges. Mais uma vez, sem conseguir abrir vantagem após a virada. Em mais uma demonstração de igualdade, o último período iniciou com o empate em 55 pontos.

Precisando da vitória sobre o lanterna para se afirmar no G-8 e acabar com a sequência negativa,  o Caxias tinha em Cauê Borges seu grande personagem na partida. Sem qualquer erro em arremessos de quadra até o final do terceiro período, o camisa 4 continuou comandando a equipe na última parcial.

Sabendo administrar melhor os erros do que o adversário, o Caxias conseguiu abrir cinco pontos de vantagem restando menos de cinco minutos. Porém, desesperado para fugir da última colocação, a Liga Sorocabana lutava por cada lance. 

Os minutos finais foram tensos, com muitas faltas dos donos da casa e baixo aproveitamento dos caxienses nos lances livres, que não conseguiam abrir frente.  Nos segundos finais, Marcão acertou o arremesso e deixou o Caxias três pontos na frente. No lance derradeiro, quando faltavam três segundos, Raphael tentou o chute de longa distância, mas errou. Vitória caxiense.

Leia Também
Prefeito de Caxias do Sul abre partida de futebol adaptado antes do clássico Ca-Ju
Ano letivo da rede municipal de ensino inicia com novidades, em Caxias do Sul

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros