Após vitória espetacular em Bauru, Caxias Basquete quer lotar o Ginásio do Sesi - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

+1 apaixonado03/02/2018 | 11h00Atualizada em 03/02/2018 | 11h20

Após vitória espetacular em Bauru, Caxias Basquete quer lotar o Ginásio do Sesi

Equipe caxiense encara Minas e Flamengo nos dias 6 e 8 de fevereiro

Após vitória espetacular em Bauru, Caxias Basquete quer lotar o Ginásio do Sesi Porthus Junior/Agencia RBS
Últimos jogos no Vascão foram com lotação máxima Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

A próxima semana será especial para o Caxias do Sul Basquete/Banrisul. Com a grande campanha no NBB 10, reafirmada após a vitória sobre o Bauru, fora de casa, e os ótimos públicos no primeiro turno da competição, nos jogos realizados no Ginásio Vascão, a equipe optou por mudar momentaneamente de casa.

As partidas de terça-feira,  dia 6, contra o Minas, e quinta-feira, diante do líder Flamengo, serão disputadas no ginásio do Centro Esportivo do Sesi, com capacidade para 4,9 mil torcedores. 

O desafio do Caxias e de seus torcedores é conseguir colocar um grande público nas duas partidas, fundamentais para que o time permaneça entre os oito melhores do NBB. Por conta disso, o departamento de marketing da equipe caxiense lançou a campanha “+1 Apaixonado”, com o intuito de incentivar que novos torcedores compareçam às partidas.

– A ação +1 Apaixonado tem a ideia de que os mil torcedores, que lotam o Vascão possam levar, pelo menos, mais uma pessoa aos jogos de terça e quinta. Temos a certeza de que elas vão se apaixonar pelo basquete, assim como ocorreu com muitos outros nos últimos anos. Queremos apresentar a modalidade para todos – explica Marcus Vinícius Tonin, coordenador de marketing da equipe.

Ansiedade no grupo

Para o pivô Marcão, um dos remanescentes da primeira temporada na elite, os jogos em um grande ginásio servem como motivação:

– É muito gratificante. Premia o nosso trabalho, que está crescendo a cada ano. E mostra também o apoio que a cidade está nos dando. Espero que tenhamos um grande público.

O armador Cauê Verzola, um dos mais identificados com a cidade, não esconde a ansiedade para os confrontos.

– Estamos ansiosos para saber como vai ser, até pelo fato de a torcida estar lotando o Vascão e fazendo festas muito bonitas. A gente vai trabalhar, fazer a nossa parte e acredito que teremos grandes jogos lá no Sesi – destaca Verzola.

Um dos idealizadores do Caxias Basquete, o técnico Rodrigo  Barbosa acredita que ter o Ginásio do Sesi lotado em uma partida da equipe seria a coroação do trabalho realizado até aqui:

– Particularmente, essa situação de jogar no Sesi é muito importante dentro do crescimento do Caxias, de poder levar o nome da cidade nacionalmente. Claro que existe essa ansiedade para ver qual será a resposta, até pelo apoio  incrível que a gente recebe nesta temporada. Estamos tratando de um ginásio com uma capacidade bem superior ao Vascão, mas acredito que hoje Caxias vive o basquete. Esses apaixonados pela modalidade podem fazer a diferença a nosso favor. Ter o ginásio lotado nesses jogos seria fantástico.

Serviço da partida

Os jogos:
Terça-feira, 6/2 (20h05min)
Caxias x Minas

Quinta-feira, 8/2 (20h05min)
Caxias x Flamengo

Valores: R$ 16 (ingresso nornal); R$ 12 (ingresso solidário, com a doação de 1kg de alimento) e R$ 8 (meia-entrada). R$ 30 (combo para as duas partidas).

> Com desconto: Funcionários da indústria que apresentarem o crachá da empresa têm 50% de desconto no ingresso.

> Pontos de venda: Ginásio do Vascão, Brisa Esportes e site minhaentrada.com.br.

Leia Também
Mãe e filho são mortos a tiros em Caxias do Sul
Na alta temporada, Litoral Norte também garante o sustento de muita gente


 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros