VÍDEO: Zago volta a falar em time do Juventude estático em campo - Esportes - Pioneiro

Versão mobile

 

Gauchão 201828/01/2018 | 21h53Atualizada em 29/01/2018 | 08h25

VÍDEO: Zago volta a falar em time do Juventude estático em campo

Para técnico alviverde, faltou tranquilidade à equipe no 1 a 1 com o Novo Hamburgo 

VÍDEO: Zago volta a falar em time do Juventude estático em campo Porthus Junior/Agencia RBS
Antônio Carlos Zago mostrou preocupação com a baixa produção ofensiva do Juventude Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O tropeço em casa no domingo deixou o técnico do Juventude, Antônio Carlos Zago, preocupado. Mas não só pelo empate contra o lanterna Novo Hamburgo, mas com a atuação do time.

Para o treinador, o fato de ter saído na frente deveria ter dado tranquilidade à equipe. O que não aconteceu, já que depois que fez seu gol, o Ju sequer ameaçou o gol rival no primeiro tempo.

-  Tínhamos de ter um pouco mais de tranquilidade, até por ter saído na frente. Faltou trocar passes na intermediária adversária. Foi um jogo estranho porque não teve quase oportunidade clara de gol - avaliou o treinador.

Segundo Zago, até as cobranças ensaiadas de escanteio não foram executadas. No jogo, o Ju teve 11 escanteios a seu favor.

- Preocupa a produção da equipe. Treinamos escanteios curtos e não fizemos no jogo. Preocupa a atuação e a pontuação. Temos de dar um pouco a mais nos próximos jogos - comentou.

O Juventude volta a campo na quarta-feira, em Porto Nacional, no Tocantins, contra o Interporto. O duelo vale pela Copa do Brasil.


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros