Com novidades na equipe, Juventude encerra temporada em duelo contra o Santa Cruz, em Pernambuco - Esportes - Pioneiro

Série B20/11/2017 | 20h51Atualizada em 20/11/2017 | 20h51

Com novidades na equipe, Juventude encerra temporada em duelo contra o Santa Cruz, em Pernambuco

Com as duas equipes sem pretensões na disputa, jogo vale mais para projeções do próximo ano

Com novidades na equipe, Juventude encerra temporada em duelo contra o Santa Cruz, em Pernambuco Porthus Junior/Agencia RBS
Zago pode fazer novas observações no time alviverde Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Chegou a hora de pensar no futuro. Depois de um ano cheio de altos e baixos, momentos de tensão e de comemoração do torcedor jaconero, é hora de pensar no ano que vem. A despedida da temporada 2017 para o Juventude acontece nesta terça-feira, a partir das 20h, diante do Santa Cruz, no Recife.

Também é a oportunidade para vários jogadores mostrarem para o técnico Antônio Carlos Zago que merecem começar o ano novo vestindo a camisa juventudista. Atletas formados no clube devem ter mais chances em 2018. Os que chegaram no decorrer da Série B têm uma última oportunidade de mostrar o merecimento para seguir no clube.

Sem chances de ganhar mais posições no campeonato, os jogadores alviverdes buscam em seus objetivos pessoais o foco para entrar em campo.

– A motivação vem de dentro. A gente faz o que ama, o que gosta. A profissão que Deus nos deu é privilegiada – disse o meia Felipe Lima, que deve ir para sua terceira temporada no Ju a partir de janeiro.

Adaptado ao estilo de Zago, Felipe Lima sabe que o treinador possibilita para que todos possam mostrar seu futebol:

– Sabemos que com ele é assim. Ele procura dar oportunidade a todos. Do meio para a frente mudou bastante o time e cada um teve sua chance de jogar.

Antes de terminar a Série B, porém, Antônio Carlos tem um tabu para tentar quebrar. O Juventude ainda não venceu fora de casa sob seu comando. Se contar as partidas do treinador no Inter, são três derrotas de Zago como visitante e uma vitória, na estreia colorada, contra o Londrina.

Na campanha alviverde foram somente duas vitórias fora, e nenhuma delas no Nordeste:

– Tivemos jogos muito complicados fora de casa. Temos que procurar neste último jogo fazer uma boa partida e terminar o campeonato bem para no ano que vem voltar da melhor forma possível.

É o fim do ano de retorno do Juventude para a Série B. É um ano de observações, avaliações, erros e alguns acertos no Estádio Alfredo Jaconi. Passaram PC Parente, Gilmar Dal Pozzo, até o retorno de Antônio Carlos Zago para o comando alviverde. O clima para o jogo desta terça-feira é quase de amistoso, mas para quem tem interesse em continuar no clube, pode ser a grande chance.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros