Com emoção até o último lance, Caxias do Sul Basquete vence Bauru na estreia do NBB - Esportes - Pioneiro

Na raça15/11/2017 | 18h09Atualizada em 15/11/2017 | 18h09

Com emoção até o último lance, Caxias do Sul Basquete vence Bauru na estreia do NBB

Com show de Cauê Borges e da torcida, equipe caxiense venceu por 70 a 69 atual campeão brasileiro

Com emoção até o último lance, Caxias do Sul Basquete vence Bauru na estreia do NBB Felipe Nyland/Agencia RBS
Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Uma estreia repleta de emoções e com um jogo sensacional no Ginásio do Vascão. O Caxias do Sul Basquete/Banrisul começou a sua trajetória no NBB 10 com uma vitória contra o Bauru, por 70 a 69, na tarde desta quarta-feira. Diante dos pouco mais de 1000 torcedores que foram ao Pio X, o time gaúcho brigou de igual com o atual campeão e triunfou faltando quatro segundos para o término do último quarto. Cauê Borges foi o principal destaque do jogo, marcando 22 pontos e com oito rebotes, além de ter feito a jogada para Cauê Verzola definir nos últimos segundos.  O time volta à quadra na sexta-feira, às 20h05min, diante do Franca.

O primeiro quarto do Caxias do Sul Basquete no NBB 10 foi comandado por Cauê Borges. O ala foi responsável pelos primeiros cinco pontos do time do técnico Rodrigo Barbosa na partida, e acabou o quarto com sete. Destaque também para Paranhos, que logo no primeiro período emplacou seis rebotes. Diferente do que aconteceu nas outras temporadas, o Caxias teve uma rotação maior do grupo, com oito atletas participando. Ao final, com Paranhos comandando a torcida, vitória caxiense por 23 a 17.

O segundo período foi de um Bauru mais equilibrado, e Hettsheimeir sendo decisivo, principalmente com o alto aproveitamento nos lances livres - foram cinco de cinco durante o primeiro tempo. Ainda assim, Caxias conseguiu manter a liderança placar. Com Marcão ativo no ataque, convertendo 14 pontos no dois primeiros períodos. Mesmo com a vitória dos visitantes no quarto, por 19 a 14, Caxias foi para o vestiário com vantagem de 37 a 36.

Após o intervalo, Caxias Basquete dominante. Com Cauê Borges novamente indo para cima da marcação do Bauru, a equipe da casa conseguiu ampliar a vantagem construída no tempo inicial. Sem poder contar com Paranhos, que logo no início cometeu a quarta falta, Rodrigo Barbosa deixou um time mais leve em quadra. Cauê Verzola, que havia zerado nos dois primeiros quartos, fez seus cinco primeiros pontos no retorno à Caxias. Os 19 a 17 para Caxias ampliaram a vantagem no jogo partida para 56 a 53. 

No quarto final, a vantagem adversária começou a aumentar perigosamente. Com boa participação de Duda Machado nos chutes de longe e de Hettsheimeir dominante no garrafão, o time do Bauru chegou a abrir quatro de vantagem. Mas Cauê Verzola e Cauê Borges conduziram o time para virada. 

A emoção maior ficou guardada para o final. Faltando quatro segundos para o término da partida e com dois pontos atrás, Borges achou Verzola livre na linha três. O armador fez a cesta e enlouqueceu o Vascão para virar em 70 a 69. Delírio do torcedor e dos jogadores, que vibraram muito com a vitória.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros