Caxias Basquete perde na prorrogação para o Minas - Esportes - Pioneiro

NBB 1028/11/2017 | 21h50

Caxias Basquete perde na prorrogação para o Minas

Em jogo cheio de emoções, equipe caxiense sofre derrota por 86 a 84, fora de casa

Caxias Basquete perde na prorrogação para o Minas Orlando Bento/Minas,Divulgação
Foto: Orlando Bento / Minas,Divulgação

Foi, de novo, no detalhe. Assim como aconteceu diante do Franca, o Caxias do Sul Basquete/Banrisul esteve muito perto da vitória, mas deixou o resultado escapar no finalzinho. Nesta terça-feira, contra o Minas, fora de casa,  os comandados de Rodrigo Barbosa perderam por 86 a 84, na prorrogação. O próximo desafio do time caxiense será quinta-feira, contra o Flamengo, às 19h30min, no Rio de Janeiro.

O primeiro quarto começou com os mandantes melhores, e o Minas fez 22 a 20, aproveitando os chutes de três pontos. O segundo período teve o Caxias mais atento. Porém, o time voltou a ceder espaços e a diferença aumentou. No final do primeiro tempo, o Minas tinha 44 a 33, com um segundo quarto de amplo domínio: 22 a 13.

A volta do intervalo teve um Caxias mais agressivo na marcação. Sem tantos espaços para o time mineiro e com Alex com ótimo aproveitamento nas bolas de longa distância, assim como já havia acontecido contra o Campo Mourão. A vitória caxiense por 22 a 17 no quarto diminuiu a vantagem do Minas para oito pontos.

O último quarto teve um Caxias arrasador na marcação. Antes que o Minas conseguisse pontuar, o time de Rodrigo Barbosa já havia feito 10 pontos.

Com vantagem no placar pela primeira vez no jogo, o Caxias começou a ver  uma aproximação perigosa do time de Minas. A diferença que chegou a ser de sete caiu para três, faltando apenas dois segundos. A vitória parecia certa, mas Gegê, armador do Minas, sofreu falta quando ia arremessar de muito longe, cavando três lances livres. O jogador converteu os três arremessos e levou a partida para a prorrogação.

No tempo extra, o equilíbrio se manteve. Os dois times se alternaram à frente do placar.

Cauê Borges, cestinha do time caxiense com 21 pontos, chegou a abrir a vantagem para três pontos, mas, outra vez, apareceu Gegê. O experiente armador do Minas acertou outro chute de longa distância quando restavam três segundos para o fim e garantiu a virada e o triunfo mineiro. Alex ainda tentou, mas errou o arremesso.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros