Após renovar com Marquinhos Xavier, ACBF decide vaga na Liga Gaúcha - Esportes - Pioneiro

Futsal18/10/2017 | 19h28Atualizada em 18/10/2017 | 19h28

Após renovar com Marquinhos Xavier, ACBF decide vaga na Liga Gaúcha

Time de Carlos Barbosa precisa vencer o Guarany de Espumoso na partida e na prorrogação para avançar às semifinais

Após renovar com Marquinhos Xavier, ACBF decide vaga na Liga Gaúcha Ulisses Castro/ACBF,Divulgação
No jogo de ida, em Espumoso, donos da casa venceram por 4 a 3 e obtiveram a vantagem de jogar por empate em Carlos Barbosa Foto: Ulisses Castro / ACBF,Divulgação

Será preciso vencer duas vezes. Se a ACBF quiser avançar para a semifinal da Liga Gaúcha de Futsal, não resta outra alternativa. O time do técnico Marquinhos Xavier recebe o Guarany, de Espumoso na noite desta quinta-feira, às 20h, no Parque Esportivo da Tramontina (PET), no distrito de Desvio Machado, em Carlos Barbosa, na partida de volta das quartas de final.

Como perdeu no jogo de ida por 4 a 3, a equipe laranja tem que vencer no tempo normal e na prorrogação. Se o tempo extra terminar empatado, a vaga será decidida nos pênaltis.

A ACBF deve ter todo o grupo à disposição. O jogo não ocorrerá no Centro Municipal de Eventos em função da montagem da estrutura para a escolha da Senhorita Festiqueijo, que vai ser realizada no sábado. Nesta temporada, a ACBF já mandou um jogo no PET contra o BGF, quando saiu com vitória por 7 a 1.

Os ingressos para o jogo da noite de quinta-feira serão vendidos no local por R$ 5. Sócios e jovens de até 15 anos não pagam. A rádio Estação FM transmite. 

Marquinhos Xavier renova

Na quarta-feira, a ACBF confirmou a renovação do contrato com o técnico Marquinhos Xavier para 2018. Ele dividirá o comando do clube com o da seleção brasileira de futsal.

– Me sinto muito confiante e tranquilo aqui em Carlos Barbosa. Já tenho um calendário de datas referentes aos jogos da seleção em 2018. Não é um calendário agressivo e que possa me tirar muito tempo daqui. São datas em finais de semana, nos quais a Liga Nacional sempre para. Pode acontecer de coincidir com alguns jogos da Liga Gaúcha, mas temos uma autonomia cada vez maior ao Edgar (Baldasso, auxiliar técnico). Temos confiança de que podemos administrar – destacou o treinador em entrevista à Rádio Estação.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros