Seleção brasileira sub-23, do caxiense Fernando Cachopa, avança à semifinal do Mundial da categoria - Esportes - Pioneiro

Vôlei21/08/2017 | 20h47Atualizada em 21/08/2017 | 20h47

Seleção brasileira sub-23, do caxiense Fernando Cachopa, avança à semifinal do Mundial da categoria

Equipe do técnico Giovane Gávio segue invicta na competição, disputada no Egito

Seleção brasileira sub-23, do caxiense Fernando Cachopa, avança à semifinal do Mundial da categoria FIVB/Divulgação
Caxiense de 21 anos (D, na foto) busca o seu segundo título mundial Foto: FIVB / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

A seleção brasileira sub-23 segue invicta no Mundial da categoria, disputado no Egito. Nesta segunda-feira, a equipe capitaneada pelo levantador caxiense Fernando Cachopa derrotou Cuba, de virada, por 4 sets a 3, parciais de 13/15, 15/13, 11/15, 11/15, 15/11, 15/8 e 15/12. Antes, o time do técnico Giovane Gávio já havia vencido México, Polônia e Egito.

A competição é disputada na nova regra da Federação Internacional de Vôlei (FIVB), em melhor de sete sets de 15 pontos, que está sendo testada no torneio realizado em Cairo. Com a liderança do grupo, com 11 pontos, e a classificação para as semifinais garantida, o Brasil folga nesta terça e joga a última partida da fase classificatória na quarta-feira, às 10h, contra o Japão.

Sub-19 no Bahrein

Já no Mundial Sub-19, a seleção, que conta com o oposto bento-gonçalvense Welinton Oppenkoski, também derrotou Cuba nesta segunda-feira, mas por 3 sets a 1. O time contabiliza duas vitórias em três jogos e encara nesta terça, às 7h, o Japão. A partida encerra a participação na primeira fase. 

Com a vaga na próxima etapa garantida, o time busca a melhor colocação possível em seu grupo para ter um adversário menos qualificado nas oitavas de final.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros