Jogadores do Juventude estão fechados com Dal Pozzo e reafirmam apoio ao técnico - Esportes - Pioneiro

Série B23/08/2017 | 10h00Atualizada em 23/08/2017 | 10h59

Jogadores do Juventude estão fechados com Dal Pozzo e reafirmam apoio ao técnico

Após vaias da torcida ao treinador, durante jogo contra o Vila Nova, atletas falaram da confiança em Gilmar

Jogadores do Juventude estão fechados com Dal Pozzo e reafirmam apoio ao técnico Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

Um time na quinta colocação e sem deixar os integrantes do G-4 se distanciarem na tabela da Série B, em um ano de retorno, seria o suficiente para deixar a torcida contente. Seria. Mas não é o clima que Gilmar Dal Pozzo encontrou durante o jogo contra o Vila Nova, sexta-feira passada. Antes de Tiago Marques fazer o gol da vitória por 1 a 0, se ouvia no Alfredo Jaconi o canto de ¿Adeus, Gilmar¿. O pedido do torcedor, no entanto, não ecoa de maneira alguma no vestiário e na direção do clube, que seguem fechados com Dal Pozzo.

A entrevista do vice-presidente de futebol Jones Biglia, após o triunfo contra os goianos, dava o tom do pensamento da direção sobre o trabalho do técnico e a campanha do time:

— Meio a zero é goleada. É um ano de afirmação para o Juventude. Quando conversamos com o Gilmar, na hora da contratação, falamos isso. Ele está cumprindo o que conversamos.

O discurso do dirigente reflete também o pensamento do grupo de atletas, que entende a angústia do torcedor após a sequência oscilante de resultados que o time apresentou nos últimos jogos. O goleiro Matheus Cavichioli, um dos jogadores mais queridos pelos jaconeros, acredita que as rodadas iniciais criaram grande expectativa.

— A gente entende o lado do torcedor. Ele ficou muito empolgado com o nosso início. Nós também ficamos empolgados. Só que o torcedor quer isso o tempo todo. Aceitamos a cobrança — disse o camisa 1, que lamentou as criticas ao técnico:

— É coisa de torcedor. Infelizmente no futebol é assim. Eles acham que é mais fácil trocar um do que mudar quem está em campo. Mas estamos fechados. Temos a confiança do Gilmar, e nós confiamos muito nele. Compramos essa ideia com ele desde o início do campeonato. A confiança no treinador é extrema, e a dele em nós também. E vamos juntos até onde nos permitirem.

O lateral-direito Vidal, que deve começar como titular na sexta-feira contra o Paraná, às 20h30min, em Curitiba, pela 22ª rodada, valoriza o trabalho de Dal Pozzo:

— Ele nos passa confiança porque sabe que a Série B é de dificuldade. É um cara que temos um carinho muito grande e toda a confiança.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros