Juventude prega discurso cauteloso para defender a liderança nesta rodada - Esportes - Pioneiro

Série B09/06/2017 | 08h42Atualizada em 09/06/2017 | 08h42

Juventude prega discurso cauteloso para defender a liderança nesta rodada

Jogadores e comissão técnica evitam qualquer clima que traga a desconcentração ao vestiário

Juventude prega discurso cauteloso para defender a liderança nesta rodada Roni Rigon/Agencia RBS
Técnico Gilmar Dal Pozzo afirma que seu time está focado em manter o Ju na Série B Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

Sigam o líder. A frase que tomou conta das arquibancadas do Alfredo Jaconi após a vitória sobre o Criciúma, terça-feira, não chegou até o vestiário alviverde. Invicto na Série B e 100% em casa, o time do técnico Gilmar Dal Pozzo viajou a Varginha (MG) com a certeza de que muito ainda precisa ser feito na competição.

Sem confirmar o time e sabendo das dificuldades que terá contra o Boa Esporte, sábado, às 16h30min, no Estádio do Melão, o treinador alviverde enaltece a condição atual do Juventude na tabela de classificação e valoriza o sentimento juventudista neste início de Série B.

— Sei que o torcedor está eufórico e orgulhoso por esse momento do time líder do campeonato. Mas nosso vestiário e nosso discurso não vão mudar em nada. A meta principal do clube é a permanência na B. É jogo a jogo — alertou o comandante alviverde.

Leia mais:
Juventude define equipe para enfrentar o Boa Esporte nesta sexta

No cálculo de direção e comissão técnica, ainda faltam pelo menos 34 pontos para que o clube garanta a Série B de 2018, sem sustos. Se durante a competição o Juventude vencer todos as partidas como mandante, por exemplo, somaria mais 48. Essa situação, no entanto, é considerada praticamente impossível pelo departamento de futebol em um campeonato tão equilibrado como este. A diferença do líder para o Oeste, 10º colocado na tabela, é de apenas três pontos.

Entre os atletas, o pensamento também vai na linha de não alterar a característica do time por conta da primeira colocação. O lateral-direito Vinícius, que será titular novamente contra o Boa, acredita que o comportamento do time não muda pela posição na classificação:

— Deixamos para eles nos olharem de outra forma. Nós seguimos do mesmo jeito. Com os pés no chão e trabalhando duro para que possamos continuar nessa liderança.

E é na força do grupo e trabalhando na ideia de confirmar o bom momento a cada partida, que Dal Pozzo e a comissão técnica seguem desenvolvendo o trabalho planejado.

— É um momento de maturidade da equipe e a comissão técnica tem que conduzir. Não vai mudar nada para nós. Temos o objetivo de consolidar o trabalho, e isso não aconteceu ainda. Estamos caminhando e indo para o caminho certo — avaliou o comandante juventudista.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros