Matheus já desponta como um dos líderes do Juventude na Série B - Esportes - Pioneiro

Já está em casa17/05/2017 | 20h27Atualizada em 17/05/2017 | 20h31

Matheus já desponta como um dos líderes do Juventude na Série B

Campeão pelo Novo Hamburgo, goleiro se adaptou de forma rápida ao clube alviverde

Matheus já desponta como um dos líderes do Juventude na Série B Felipe Nyland/Agencia RBS
Jogador está no Ju há uma semana e já está bem adaptado ao Alfredo Jaconi Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Não parece que ele chegou há uma semana. Mesmo com poucos dias no Estádio Alfredo Jaconi, o goleiro Matheus Cavichioli já demonstra estar em casa. A adaptação ao Juventude foi muito rápida, tanto quanto a aceitação do torcedor com o novo camisa 1. Foram necessários apenas dois dias para chegar, treinar e jogar como titular. Foi bem, fez defesas importantes e, como ressaltou o técnico Gilmar Dal Pozzo após a partida, se tornou um líder dentro de campo.

— Não tive folga do último jogo do Gauchão para cá. Eu parei dois dias e isso não contou muito para perder o ritmo de treinos e de jogos. Consegui participar de uma maneira bem positiva nessa primeira partida que eu fiz no Juventude, mesmo sem ter jogado os amistosos. Fiquei um pouco perdido, confesso, com os nomes do pessoal. É mais fácil decorar um, do que 35. Mas eles ajudaram bastante e fomos felizes — conta Matheus.

O fato de ter sido campeão gaúcho recentemente e escolhido o craque do campeonato ficou para trás. O goleiro já projeta o futuro e quer escrever uma história de sucesso com a camisa alviverde. E ela já vem sendo escrita. Nesta sexta-feira, mais uma página será feita no Serra Dourada, quando o Ju enfrenta o Vila Nova-GO, às 20h30min. E como toda história precisa de evoluções.

Ainda em início de competição, a equipe demorou para encaixar a marcação na estreia. Esse é um ponto que está sendo falado nesta semana: o time precisa entrar um pouco mais ligado na partida para não sofrer tanto no início dos jogos com a pressão adversária. Algo para ser buscado ao longo das próximas rodadas.

— É normal que todas as equipes entrem no ritmo do campeonato lá pela terceira ou quarta partida. Entendemos que o torcedor já queira a equipe 100% na primeira rodada, ainda mais dentro de casa. Mas não é de hoje que nós estamos no futebol e é com decorrer do campeonato que as coisas vão se encaixando — avalia Matheus.

Com essa calma de quem parece conhecer o clube há anos e um espírito de liderança para ajudar na organização dentro de campo da equipe, que Matheus Cavichioli ganhou a comissão técnica, os colegas de grupo e o torcedor desde a sua chegada.

 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros