Maurício Reolon: "Para vencer o Juve-Nal, o time de Dal Pozzo precisa se superar" - Esportes - Pioneiro

Coluna Digital12/03/2017 | 08h00Atualizada em 12/03/2017 | 21h11

Maurício Reolon: "Para vencer o Juve-Nal, o time de Dal Pozzo precisa se superar"

Com desfalques e limitações no grupo, técnico precisa encontrar soluções caseiras

Maurício Reolon: "Para vencer o Juve-Nal, o time de Dal Pozzo precisa se superar" Porthus Junior/Agencia RBS
Gilmar Dal Pozzo irá improvisar Wanderson (D) ao lado de Ruan (C) na zaga por falta de opções Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Sem Micael, Bruninho, Felipe Lima e Wallacer, com pouco tempo de trabalho e um problemão na defesa, Gilmar Dal Pozzo tem um desafio e tanto contra o Inter, neste domingo. Na reta final da primeira fase do Gauchão, o Juventude apostou na mudança e precisa de uma resposta.

Para vencer o clássico Juve-Nal, o time de Dal Pozzo precisa se superar. Seja pelo apoio do torcedor ou pela inspiração do próprio grupo, a equipe tem de mostrar o algo a mais que ainda não apresentou na competição. E nada melhor do que fazer isso em um jogo como o deste domingo.

No cenário ideal para o novo comandante, um resultado positivo ou, pelo menos, um empate. Claro, com uma entrega maior da equipe e melhor disposição do time em campo. Era o que vinha sendo cobrado de PC. Parece complicado para quem chegou no início da semana, mas é algo possível.

A grande dor de cabeça de Dal Pozzo está na defesa. Como fazer o time ser mais compacto e deixar menos espaços para os ataques adversários sem ter sequer dois zagueiros de origem à disposição? É torcer para que Wanderson dê conta do recado, Fahel recupere um pouco do seu bom futebol no meio-campo e Sananduva mantenha a eficiência.

E, logicamente, para os três pontos saírem, Caion precisa jogar mais e ser, de fato, o 9 que se espera. A grande esperança, porém, recai sobre o trio Bruno Ribeiro, Caprini e Taiberson. E deles que pode sair o diferente. Sem D'Ale e com um time em formação, o Inter está longe de ser um bicho-papão, mas é bom ter cautela. O clássico de domingo pode dizer muito sobre o que ainda fará o Juventude no Gauchão. 

 
 

Siga @pioneiroonline no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comVereador diz ter sofrido assédio moral https://t.co/6TQ2ISf7Bl #pioneirohá 33 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comAssembleia nesta segunda pode dar um novo rumo na greve dos médicos de Caxias https://t.co/9fdZFZrqpl #pioneirohá 58 minutosRetweet
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros