Juventude joga mal no primeiro tempo, leva goleada do Grêmio e fica na obrigação na última rodada - Esportes - Pioneiro

Gauchão 201725/03/2017 | 20h48Atualizada em 25/03/2017 | 20h53

Juventude joga mal no primeiro tempo, leva goleada do Grêmio e fica na obrigação na última rodada

Sem poder de marcação e reação na Arena, time do técnico Gilmar Dal Pozzo é facilmente batido por 4 a 0

Juventude joga mal no primeiro tempo, leva goleada do Grêmio e fica na obrigação na última rodada Bruno Alencastro/Bruno Alencastro
Bolaños abriu o placar para o Grêmio com facilidade Foto: Bruno Alencastro / Bruno Alencastro
Pioneiro
Pioneiro

Irreconhecível. Frágil. Conformado. Assim foi o Juventude na goleada de 4 a 0 sofrida para o Grêmio, na noite deste sábado, na Arena, em Porto Alegre. Com a terceira derrota consecutiva no Gauchão, o time do técnico Gilmar Dal Pozzo vai para a última rodada com a obrigação da vitória diante do São José, quarta-feira, no Alfredo Jaconi, para se classificar às quartas de final. Se tudo der errado, corre até risco de rebaixamento.

O vexame na Arena começou cedo. Poupando Sananduva, Taiberson e Bruno Ribeiro, Dal Pozzo escalou Lucas, Wallacer e Dieguinho. Porém, os três não foram bem. Aos 11 minutos, em um contra-ataque mortal, Ramiro tocou para Pedro Rocha na esquerda. O atacante partiu em velocidade e deu assistência para Bolaños, que dominou na entrada da área com categoria, avançou e bateu no canto de Douglas: 1 a 0.

Aos 17, em outro contra-ataque mortal, Caprini errou um passe de calcanhar no meio-campo, Michel tomou a bola, tocou para Luan e correu na frente. Luan avançou, esperou a passagem de Michel por dentro e passou na medida. O volante dominou, ajeitou a bola e bateu para gol: 2 a 0.

O terceiro não demorou. Depois de um toque bobo no braço de Dieguinho, aos 27 minutos, o lateral-direito Edílson bateu a falta da intermediária esquerda de forma direta, a bola foi rasteira e o goleiro Douglas espalmou para a frente. Léo Moura aparou o rebote e tocou para o gol: 3 a 0.

Por pouco, o quarto gol não veio aos 33. Pedro Rocha driblou Wanderson com facilidade pela esquerda e bateu a gol dentro da área. Douglas defendeu com a perna e a bola sobrou para Ramiro, que chutou para fora.

No início do segundo tempo, o Juventude chegou a dar um suspiro de reação. Aos seis minutos, Taiberson driblou quatro jogadores do Grêmio e tocou para Caprini na esquerda. O atacante chutou na trave, mas o bandeirinha já tinha assinalado impedimento.

Quando o Grêmio foi ao ataque de novo, não demorou para marcar o quarto gol. Aos 19, Edílson bateu outra falta, desta vez pela intermediária direita, o goleiro Douglas espalmou para a frente pela segunda vez no jogo e Wanderson cometeu pênalti em Kannemann para impedir o rebote. Na cobrança, Luan colocou com categoria e fez 4 a 0.

Com 11 pontos, três vitórias e saldo negativo de sete gols, o Ju pode ser ultrapassado neste domingo por Inter, Brasil-Pel, Ypiranga e São Paulo-RG. Se isso acontecer, entraria na zona de rebaixamento. Se dois deles vencerem, o Ju sai do G-8. A torcida é para que nenhum ou apenas um dos quatro vença na rodada.

 
 

Siga @pioneiroonline no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPrefeitura de Caxias vai descontar mais de R$ 400 mil de salários de médicos em greve https://t.co/ERqBpq2zRf #pioneirohá 18 segundosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comGuerra SA, de Caxias, solicitará mais 30 dias para apresentar plano de recuperação judicial https://t.co/wajIAvI7GK #pioneirohá 30 minutosRetweet
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros