Caxias busca empate no Bento Freitas e garante classificação à próxima fase - Esportes - Pioneiro

Gauchão 201723/03/2017 | 22h45Atualizada em 23/03/2017 | 22h53

Caxias busca empate no Bento Freitas e garante classificação à próxima fase

Equipe grená ficou no 1 a 1 com o Brasil-Pel e manteve vice-liderança do Estadual

Caxias busca empate no Bento Freitas e garante classificação à próxima fase Carlos Insaurriaga/GEP
Caxias e Brasil-Pel ficaram no empate, jogando no Estádio Bento Freitas Foto: Carlos Insaurriaga / GEP
Pioneiro
Pioneiro

No planejamento de campeonato do Caxias, um empate no Estádio Bento Freitas estaria de bom tamanho. E isso aconteceu. A equipe grená ficou no 1 a 1 com o Brasil-Pel, nesta quinta-feira à noite pelo Gauchão. Resultado que classifica a equipe para os mata-matas.

O jogo só foi ficar animado no segundo tempo, quando saíram os gols. O time xavante saiu na frente com Nem, cobrando falta aos seis, e Geninho empatou para os comandados por Luiz Carlos Winck, aos 12.

O empate também deixa a equipe grená na vice-liderança isolada do campeonato, com 15 pontos, quatro a menos que o Novo Hamburgo. Domingo, será a vez de enfrentar o lanterna Passo Fundo, às 16h, no Estádio Centenário. Por certo, serão dois desfalques: o goleiro Marcelo Pitol e o meia Wagner, que levaram o terceiro amarelo.

No plano de jogo das duas equipes, quem saiu feliz do primeiro tempo foi o Caxias. A equipe sofreu apenas um lance perigoso e já nos acréscimos. De resto, controlou o adversário e saiu com o empate.

O Brasil-Pel mostrou a sua necessidade pelo resultado desde o primeiro minuto, com Nem chutando de fora da área e para fora. Após, o time xavante tentou impor seu estilo de muitas bolas alçadas na área. Apenas facilitou o trabalho defensivo grená. 

O lance de maior preocupação foi com Juliano Tatto. Ele sofreu uma pancada na cabeça, na reta final do primeiro tempo, e teve que deixar o estádio de ambulância. A melhor chance do Brasil-Pel veio aos 45. Juninho conseguiu fazer boa jogada no lado direito da área e bater firme. Pitol fez uma boa defesa. Fim da primeira etapa, empate sem gols. 

Na volta do intervalo o jogo ficou mais movimentado. Logo aos cinco, o time xavante teve a primeira oportunidade. Nem arriscou da intermediária e Pitol espalmou.

Um minuto depois, em cobrança de falta frontal, Nem abriu o marcador para o Brasil-Pel. Ele cobrou por baixo da barreiram e no cantinho. O goleiro grená não conseguiu impedir que ela entrasse: 1 a 0 Brasil-Pel. A resposta grená não demorou. Na melhor jogada da equipe, Reis cobrou escanteio e Geninho empatou, aos 12 minutos.

O gol fez o time de Winck melhorar na partida e criar oportunidades. Aos 20, Diego Miranda puxou contra-ataque, tabelou com Reis e chutou em cima do goleiro xavante. Aos 30, foi a vez de Júlio César. Ele recebeu na direita, puxou para perna esquerda e bateu no canto. Outra boa defesa de Eduardo Martini.

O Brasil-Pel foi ter oportunidade aos 39. Bruno Lopes foi lançado e em meio aos zagueiros do Caxias, concluiu e para fora. No fim, o xavante ensaiou uma pressão, mas o time grená administrou. Final de jogo: 1 a 1.

 
 

Siga @pioneiroonline no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPolícia Civil conclui que motoboy foi assassinado após fofoca em Caxias do Sul https://t.co/jHT5jMZrki #pioneirohá 19 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comAudiência pública sobre regulamentação do Uber será na segunda, em Caxias https://t.co/0n8iSCtB4L #pioneirohá 49 minutosRetweet
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros