Caxias perde para o Inter B e fica em situação complicada na Supercopa Gaúcha - Esportes - Pioneiro

Copinha10/11/2016 | 17h54Atualizada em 10/11/2016 | 19h30

Caxias perde para o Inter B e fica em situação complicada na Supercopa Gaúcha

Equipe grená foi derrotada por 3 a 1 e precisará reverter o placar no Estádio Centenário

Caxias perde para o Inter B e fica em situação complicada na Supercopa Gaúcha Luiz Armando Vaz/Agencia RBS
Caxias teve dificuldades para conter o ataque do Inter B Foto: Luiz Armando Vaz / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O Caxias saiu atrás nas semifinais da Supercopa Gaúcha. Perdeu para o Inter B por 3 a 1, nesta quinta-feira, em Alvorada. A equipe grená saiu na frente com gol de Diego Miranda, mas Brenner, André e Gustavo Ramos fizeram os gols da equipe da Capital. 

Para chegar à final da Supercopa e seguir na briga por uma vaga na Copa do Brasil de 2017, o time do técnico Luiz Carlos Winck precisará vencer por 2 a 0, domingo, no Estádio Centenário. 

— Não tem nada perdido e já provamos isso contra o Ypiranga. Vamos tentar reverter essa vantagem em casa — afirmou o meia Marlon. 

O Internacional começou em cima do Caxias, tentando fazer valer o seu mando de campo. A primeira oportunidade surgiu aos seis. Charles recebeu na meia-lua da área, girou sobre a defesa e bateu para fora. 

O Caxias só foi fazer a sua primeira conclusão aos 11. Rafael Chorão cobrou escanteio da direita e Alex Moraes cabeceou por cima e sem perigo contra o gol colorado. Aos 20, a equipe grená aproveitou uma falha da defesa do Inter. Nicolas interceptou um passe e tocou para Rafael Chorão, da entrada da área, bater por cima.

E foi num erro dos colorados que surgiu o gol grená. Aos 32, Marcelo Pitol ligou o contra-ataque do Caxias. Diego Miranda dividiu com a defesa e saiu na cara do gol. O meia tocou na saída de Jacson para abrir o marcador.

Com um jogo truncado, o empate do Inter também saiu em um contragolpe. Brenner foi lançado nas costas da defesa e Baiano derrubou o atacante colorado na área. Pênalti. Na cobrança, Brenner deslocou Pitol e marcou.

Na volta do intervalo, o técnico Winck reforçou o setor defensivo, sacou o meia Rafael Chorão e colocou David no seu lugar. Mas não obteve efeito a troca. O Inter começou melhor e atacando. Logo no primeiro minuto, Lucas e Mossoró tabelaram até a área e Lucas chutou para defesa do goleiro Marcelo Pitol.

A equipe colorada era melhor e aproveitou o momento. Aos seis, Bruno José chegou na área, bateu forte e Marcelo Pitol fez a defesa. No rebote, André conseguiu o desvio para o gol: 2 a 1 para o Inter.

O Caxias respondeu aos 15. Bruno José saiu jogando errado e deu a bola para Tinga. O meia tabelou com Diego Miranda e bateu para defesa do goleiro Jacson. O placar já era adverso e a situação grená complicou, ainda mais, aos 18, quando Baiano foi expulso pelo segundo cartão amarelo.

Com um jogador a mais, o Inter foi para o ataque. Aos 22, Jair carimbou a trave grená. O Caxias respondeu aos 26, quando Gian bateu falta e obrigou Jacsson a fazer boa defesa.

O empate grená quase surgiu aos 38. Após cruzamento da esquerda, Nicolas dominou na área, passava pelo goleiro, mas Jacson se recuperou e conseguiu evitar o gol do Caxias. O time do técnico Winck tentou administrar o resultado, que não era ruim, mas acabou sofrendo o terceiro aos 42. Gustavo Ramos, em contra-ataque, recebeu na área e tocou no canto de Pitol.

Fim de jogo, 3 a 1 e vantagem colorada para chegar à final da Supercopa Gaúcha.

 
 

Siga @pioneiroonline no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comInstrumentista e compositor André Viegas irá lançar DVD nesta terça, em Caxias https://t.co/K1cyy8EXnn #pioneirohá 21 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comEntenda os riscos causados pelo consumo de alimentos com excesso de agrotóxicos https://t.co/4vFhL9qvBE #pioneirohá 51 minutosRetweet
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros