Grupo do Caxias do Sul Basquete visita o Lar da Velhice São Francisco de Assis - Esportes - Pioneiro

Tarde especial11/10/2016 | 18h04Atualizada em 11/10/2016 | 18h04

Grupo do Caxias do Sul Basquete visita o Lar da Velhice São Francisco de Assis

Atletas e comissão técnica conheceram o local e conversaram com os idosos

Grupo do Caxias do Sul Basquete visita o Lar da Velhice São Francisco de Assis Felipe Nyland/Agencia RBS
Dona Rosalina, 98 anos, recebeu o carinho de Marcão (C) e do técnico Rodrigo Barbosa Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Foi uma tarde diferente para o time do Caxias do Sul Basquete/Banrisul. Ainda na pré-temporada para o NBB 9 e em meio a disputa do Estadual, nove jogadores da equipe, o técnico Rodrigo Barbosa e o auxiliar Leonardo Gomes visitaram nesta terça-feira o Lar da Velhice São Francisco de Assis. Além de levarem alguns donativos, o grupo conheceu todas as instalações, conversou com os idosos e trouxe alguns minutos de alegria e troca de experiências para as 70 pessoas que vivem no lar filantrópico.

– O primeiro é trazer alegria para essas pessoas. Qualquer afeto faz eles sentirem-se melhores. Para a gente, conseguimos valorizar nosso bem mais precioso, especialmente com a vontade deles de viver. Você sai com o coração mais cheio – destaca o pivô Marcão, que conversou e abraçou várias senhoras.

Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Atenciosos e simpáticos com os idosos, que brincavam frequentemente com a altura dos visitantes, os atletas fizeram questão de valorizar a importância de conhecer o local, fundado há 56 anos.

– É uma realidade que muitas vezes a gente não pensa, mas está aí. Todos ficarão mais velhos e precisarão da ajuda de familiares ou outras pessoas. O trabalho feito aqui é muito legal. A gente pode achar que estamos fazendo o bem, mas é eles quem nos dão uma lição importante. Até como time é bom, por estarmos aqui todos juntos nesta ação – avalia o armador Fred.

Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Há duas semanas, o Caxias do Sul Basquete já havia visitado a área de oncologia do Hospital Geral. A ideia é repetir ações sociais durante a temporada.

– Mostra o interesse do clube com questões sociais da cidade. Como somos atletas e estamos teoricamente em evidência é legal que eles sintam essa energia. Não é só ser jogador. O atleta tem esse trabalho de imagem, de saúde, de trabalhar com a comunidade e fazer o bem – comenta Fred.

Para quem quiser auxiliar com doações, o telefone do Lar da Velhice é o 3225-1677. Elas também podem ser feitas diretamente no local, na rua Antônio Pierucini, 85, bairro Marechal Floriano.

 
 

Siga @pioneiroonline no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comEncontro de fuscas em Caxias, neste domingo, deve reunir 500 exemplares https://t.co/echSI8VhVX #pioneirohá 7 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comColisão frontal resulta em duas mortes na ERS-324, entre Nova Araçá e Paraí https://t.co/uZ47daoAV3 #pioneirohá 9 horas Retweet
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros