Esportivo é campeão da Divisão de Acesso com empate na Montanha dos Vinhedos - Esportes - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Para coroar28/07/2012 | 22h51

Esportivo é campeão da Divisão de Acesso com empate na Montanha dos Vinhedos

Placar de 1 a 1 foi suficiente para o time de Bento Gonçalves conquistar o título

Esportivo é campeão da Divisão de Acesso com empate na Montanha dos Vinhedos Juan Barbosa/
Esportivo conquistou o tricampeonato da Segunda Divisão do futebol gaúcho Foto: Juan Barbosa

Um título para coroar uma grande campanha em 2012. Com o empate de 1 a 1 diante do Passo Fundo na noite deste sábado, na Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, o Esportivo sagrou-se campeão da Divisão de Acesso. Ambos os clubes já haviam garantido vagas no Gauchão 2013 após ficarem nas duas primeiras posições no quadrangular decisivo, que contou também com Guarany-Cam e União Frederiquense. Como no jogo de ida da final o Esportivo já tinha vencido por 2 a 1, na última quarta-feira, no Vermelhão da Serra, a vantagem foi administrada com paciência.

O maior susto foi aos 14 minutos do primeiro tempo. O experiente centroavante Sandro Sotilli, 38 anos, abriu o placar de cabeça para o Passo Fundo, após rebote do goleiro Fabiano em cobrança de falta de Marcos. Aos 34, Diego Miranda quase ampliou, mas o goleiro Fabiano salvou em grande defesa.

A tranquilidade só veio aos 38, quando o atacante Rodrigo Zeferino, também de cabeça, empatou para o Esportivo depois de um cruzamento perfeito de Anderson Feijão da direita.

No segundo tempo, o Passo Fundo teve uma chance clara para fazer 2 a 1 aos 12 minutos. Guto, dentro da pequena área, bateu forte e o goleiro Fabiano defendeu de forma espetacular. Era a dramaticidade que faltava para uma final. Com força e raça, o Esportivo se segurou na defesa e acabou conquistando um título merecido.

– Serviu para coroar o nosso trabalho, fizemos a melhor campanha em todo o campeonato. Tomara que o Esportivo não cometa mais erros para não passar por isso novamente – disse Rodrigo Zeferino.

O técnico Luiz Carlos Winck comemorou o primeiro grande título na carreira de técnico:

– Coroou a nossa campanha. O Passo Fundo foi muito aguerrido, mas a gente mereceu, pela união do grupo e o trabalho.

Tricampeão da Segunda Divisão do futebol gaúcho (ganhou também em 1969 e 1999), o Esportivo fez uma campanha extraordinária em 2012: 36 jogos, 20 vitórias, 10 empates e 6 derrotas. Foi o primeiro colocado em todas as quatro fases da competição. Um legítimo campeão.

PIONEIRO

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros