Com péssima atuação ofensiva, Caxias do Sul Basquete perde para o Minas - Basquete Caxias do Sul - Esportes: notícias sobre o Caxias e Juventude e mais - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

NBB 806/11/2015 | 21h54

Com péssima atuação ofensiva, Caxias do Sul Basquete perde para o Minas

Time não repetiu desempenho da estreia e caiu por 75 a 48 no Ginásio Vascão

Com péssima atuação ofensiva, Caxias do Sul Basquete perde para o Minas Felipe Nyland/Agencia RBS
Time caxiense errou muito e sofreu segunda derrota no NBB Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS
Uma noite para esquecer. O ginásio completamente lotado se repetiu, mas o desempenho da estreia foi bem diferente no confronto com o Minas. Nesta sexta-feira, o Caxias do Sul Basquete/Banrisul teve uma péssima produção ofensiva, não se encontrou em quadra e foi presa fácil para o time mineiro, que fez 75 a 48, no Vascão.

GALERIA DE FOTOS: confira imagens da partida

O ala portorriquenho Sosa anotou 19 pontos e foi o cestinha da partida. Alex fez 14 e foi o melhor da equipe caxiense. Foi a segunda derrota do Caxias do Sul no NBB. A equipe volta a jogar na terça-feira, às 20h, contra o Bauru, fora de casa.

No primeiro quarto, o time da casa iniciou com uma forte marcação e bom aproveitamento nos arremessos de longa distância. Nos cinco primeiros minutos, cedeu apenas três pontos ao adversário e conseguiu abrir nove de vantagem. Só que na reta final da parcial, o aproveitamento caxiense caiu e, desperdiçando lances livres e algumas bolas fáceis, o torcedor viu o Minas virar o jogo e fechar a parcial em 17 a 15.

A equipe de Rodrigo Barbosa não conseguia engrenar na partida e novos momentos de desatenção fizeram o treinador pedir tempo para reorganizar o grupo. Não adiantou. O time continuou precipitando os lances no ataque e arriscando chutes de longa distância.

No primeiro tempo, foram 18 arremessos de três pontos e só cinco acertos. A boa marcação mineira prevaleceu, o Caxias só fez oito pontos no quarto e os visitantes foram para o intervalo com vitória por 38 a 23.

No terceiro quarto, nada mudou. Nada parceria dar certo. O ataque seguiu com uma movimentação ineficiente e sem calibrar a pontaria. Em contrapartida, o Minas tinha tranquilidade para converter os arremessos nos contra-ataques e abriu 24 pontos: 49 a 25.

O Caxias não conseguia recuperar terreno e nem mesmo as alterações táticas do técnico surtiam efeito. Com confiança, os visitantes mantiveram a diferença e o placar de 57 a 33 deixou a situação quase irreversível para o último quarto.

A arbitragem confusa chamou a atenção, mas não chegou a ser determinante no resultado. Nos 10 minutos finais, o Caxias chegou a diminuir a vantagem em alguns momentos, mas a sequência de erros eliminava qualquer possibilidade de recuperar a confiança. No final, derrota frustrante: 75 a 48. 

Pioneiro

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros